Conectado por

Variedades

Patrícia Leitte, do BBB18, fala sobre fim do namoro e faz ensaio sensual: ‘Para dar um tapa em quem veio me discriminar’


Compartilhe:

Publicado por

em

Ex-sister mostra fotos exclusivas e fala sobre novo status de relacionamento: ‘Eu me basto’

2020 foi um ano cheio de desafios e para Patrícia Leitte, participante do BBB18, não foi diferente. A digital influencer conta ao Gshow um pouco do que viveu durante esse ano, faz um balanço do fim do relacionamento com o modelo Yago Lanes e mostra, com exclusividade, seu último ensaio de fotos, cujo tema é empoderamento e amor próprio.

“As fotos são para dar um tapa em quem veio me discriminar por eu ser nordestina, por eu estar acima do peso no reality… Enfim, por toda a gordofobia que fizeram comigo. E esse massacre que existe nas redes sociais pela perfeição e a gente sabe que é irreal”, desabafa

Patrícia Leitte está acabando o ano, mas começando uma nova fase: solteira, cheia de projetos novos e acredita que viver um momento único de autodescoberta. Sobre o status de relacionamento, a ex-sister conta que essa foi uma das muitas mudanças que esse ano trouxe.

“2020 foi um teste drive para a minha relação, né? Vivia uma relação que era à distância e, com a quarentena, nosso namoro passou a ser dentro de casa. Eu fui vendo que era complicado”, conta

Além dos desafios da convivência, Patrícia conta que os planos de vida dos dois mudaram e Yago decidiu voltar a morar no Rio de Janeiro para cuidar da avó. Com isso, a cearense optou por colocar um ponto final na relação.

“Todo fim de relacionamento tem um saldo positivo e negativo. Mas eu estou feliz porque deu certo durante dois anos. Enfim, vida que segue, meu coração está calmo”, afirma a digital influencer.

Os desafios impostos pela pandemia também afetaram a relação da ex-sister com a família e amigos: “Sofremos muito, perdi grandes amigos e pessoas próximas”. Mas a modelo olha para a experiência da quarentena com um olhar positivo:

“Foi um ano de muita reflexão, aprendemos sobre empatia, sobre valorizar as pessoas, senti-las mais. A era digital, apesar de aproximar quem está longe, acaba afastando quem está perto, você fica muito conectada ao digital e acaba esquecendo do real. Acho que essa quarentena veio para trazer todo mundo para a mesa junto, ter olho no olho.”

Ano Novo e planos para 2021

A ideia de passar mais tempo conectada com a família também está presente nos planos de fim de ano da ex-sister. Essa é uma época do ano que marca duas perdas afetivas muito grandes para a família de Patrícia e por isso ela explica que vai se recolher para ficar com seus familiares:

“Perdi minha avó e meu pai no Réveillon, é uma data muito marcante, difícil. Principalmente agora, diante dessa pandemia. Vou ficar em casa com a minha mãe, meu filho, meu irmão, minha irmã, meu padrasto e minhas sobrinhas.”

Para 2021 a sister revela que está cheia de planos e desejos e que vai aproveitar o novo momento: “Promete né? Começo o ano solteira, mas não estou pensando em ter um novo amor agora, quero ficar um pouco sozinha, refletir sobre tudo o que aconteceu”. Se o coração está querendo sossego, a vida profissional da atriz promete muito agito e até lançamento de livro:

“Quero muito poder retornar ao teatro, nem que seja online. Tenho uns novos projetos vindo do teatro virtual. E tem o meu livro, que eu escrevi na quarentena, e é meu sonho. Quero lança-lo e crescer mais nas redes sociais, incrementar o meu canal. O que pretendo agora e no próximo ano é focar mais em mim e na minha carreira”, projeta

Ensaio sensual e amor próprio

O foco na carreira e nos projetos pessoais trouxe mais força para Patrícia realizar um desejo que idealizava fazia tempo. A ex-sister posou para um ensaio sensual e revelou que fez isso para inspirar outras mulheres a buscarem autoamor e autoconhecimento, e o seu momento de vida não poderia ser mais propício:

“Exatamente agora, solteira, livre, empoderada, vivendo um momento único da minha vida que eu optei fazer essas fotos. Elas falam com as mulheres que vivem uma briga com a balança, um relacionamento que não consegue engatar, um casamento frustrado ou relacionamentos abusivos. Quero mostrar esse poder feminino que nós temos, de sempre nos reinventar, de sermos maravilhosas.”

E Patrícia ainda lembrou do período em que participou do Big Brother Brasil, em 2018, e como usou sua rejeição no programa para se descobrir uma nova mulher:

“Eu saí do reality com uma rejeição altíssima. As pessoas me chamavam de feia, gorda. Fui vítima de muita gordofobia e hoje sou uma referência de volta por cima. Fico feliz de poder, com a minha história, trazer um incentivo, ser uma inspiração para essas mulheres. Estou vivendo uma fase de liberdade, de libertação, de me conhecer. É um momento que sempre esperei que chegasse, de dizer ‘eu me basto'”, finaliza.

Gshow