Conectado por

Religião

O caminho que conduz ao céu


Compartilhe:

Publicado por

em

Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria de homens, mas no poder de Deus. Eu sei em quem tenho crido. (1 Coríntios 2:5; 2 Timóteo 1:12)

Foi Deus quem o traçou, e nenhum outro caminho conduz para o céu. O Senhor Jesus o designa com essas palavras: “Eu sou o caminho… ninguém vem ao Pai senão por mim” (João 14:6). Nossos pecados nos impedem de ter acesso a Deus. Segundo as exigências divinas, os pecados precisam ser expiados por meio de um sacrifício perfeito. Entre os homens não houve ninguém que não tivesse pecado e que pudesse se oferecer como vítima expiatória. “Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou Seu Filho” (Gálatas 4:4). Em virtude do sacrifício de Seu Filho, Deus salva os que se reconhecem culpáveis e creem no Senhor Jesus Cristo.

O caminho é sensato, mas os homens quiseram introduzir seus próprios pensamentos: “é certo, dizem eles, Cristo é o caminho, mas você não pode ir diretamente a Ele, tem que implorar aos santos. Procure ficar tranquilo, porque depois da sua morte, seus entes queridos, que continuam na terra, conseguirão por meio de rezas e sacrifícios, que Deus te abra as portas dos céus”.

Não, a Palavra de Deus rejeita tais pensamentos. “Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos” (1 Timóteo 2:5-6) e: “Nenhum deles de modo algum pode remir a seu irmão, ou dar a Deus o resgate dele” (Salmo 49:7). Você encontrará a paz com Deus por meio de Jesus porque “nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos” (Atos 4:12).

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *