Conectado por

Saúde

Remédios caseiros para labirintite funcionam?


Compartilhe:

Publicado por

em

A labirintite é o nome dado ao processo infeccioso do labirinto, estrutura presente no ouvido responsável por promover o equilíbrio do corpo. Quando essa área é afetada, a pessoa sofre episódios de tontura.

A labirintite também pode ter origem emocional. Chamada de TPPP (Tontura Perceptual Persistente), essa condição atinge pessoas que estão passando por um período de estresse, tristeza ou ansiedade, provocando sintomas como alteração na visão e vertigem.

Como forma de controlar e tratar esse problema, muitas pessoas buscam por soluções caseiras que possam servir como tratamento da labirintite. Entretanto, segundo o médico neurologista Saulo Nader, também conhecido como Doutor Tontura, não é possível encontrar a cura para essa doença em casa.

“Existem mais de 40 doenças por trás da palavra labirintite que geram tontura, e cada uma delas ocorre por um motivo diferente: sete no labirinto, quatro no nervo do labirinto e dezenas que acontecem em outras áreas do cérebro. Logo, o tratamento deve ser diferente para cada um desses quadros”, afirma o especialista.

Tratamento da labirintite

Segundo Saulo, o tratamento da labirintite varia de acordo com cada quadro clínico. Algumas das opções mais conhecidas são:

  • TPPT: são prescritos antidepressivos
  • VPPB (Vertigem posicional paroxística benigna): usa-se manobra de reposicionamento
  • Migrânea vestibular: conhecida como uma enxaqueca que causa labirintite, o tratamento é feito com o uso de anti-migranoso
  • Paroxismia Vestibular: nome dado ao ponto no nervo do labirinto que é tratado com medicamentos que calibram o impulso elétrico, como anticonvulsivantes
  • Meniére: síndrome que provoca uma pressão alta do labirinto, a betaistina é indicada para diminuir a pressão

Como aliviar os sintomas da tontura?

De acordo com Samanta Dall´Agnese, médica otorrinolaringologista, durante uma crise de tontura, é indicado fixar os olhos em um objeto, e mantê-los abertos. O sistema visual faz parte do equilíbrio e auxilia quando outra área, como o labirinto, não estiver funcionando de forma adequada.

“Apoie-se em algum local e evite dirigir veículos ou andar só. Tente se alimentar regularmente, o jejum prolongado pode levar à queda da glicemia. Não tome remédios sem orientação médica. Medicação inadequada pode não melhorar e, inclusive, piorar o quadro”.

Minha Vida

Publicidade

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento