Conectado por

Acre

Operação cumpre 12 mandados judiciais em Cruzeiro do Sul para desarticular grupo criminoso


Compartilhe:

Publicado por

em

Três suspeitos foram presos na manhã desta quinta-feira (31), um deles confessou que cometeu dois homicídios.

A Polícia Civil de Cruzeiro do Sul deflagrou, na manhã desta quinta-feira (31), uma operação para tentar prender suspeitos de envolvimento com uma organização criminosa que atua na segunda maior cidade do Acre.

Um total de 45 policiais estão empregados na ação, que deve se encerrar depois do cumprimento de 12 mandos de prisão e de busca e apreensão.

A operação teve início às 5h desta quinta pelo bairro do Formoso, onde foram presos três homens. Todos, suspeitos de integrar o grupo criminoso que controla o tráfico de drogas no bairro e seria responsável por vários homicídios.

Um dos presos é apontado com o autor de duas execuções cometidas na cidade. De acordo com o delegado responsável pela ação, Alexnaldo Batista, confessou os crimes.

“Esse é foragido e autor de dois homicídios e, inclusive, já confessou que praticou dois crimes que estavam sem ser desvendados e faltava a resposta para a sociedade, principalmente, para os parentes das vítimas”, disse Batista.

A polícia continua em diligências em outros bairros da cidade para tentar prender outros criminosos que são procurados há vários meses. Segundo o delegado, as investigações tiveram início no ano passado e já duram mais de quatro meses.

“Estamos fazendo agora os procedimentos da delegacia para encaminhá-los ao judiciário. É importante destacar que estamos trabalhando dentro da legalidade. Essas pessoas que foram presas, vinham em conflito com a lei, praticando crimes, participam de organização criminosa e causando terror em nossa sociedade, então não podem viver no meio social. Temos mais diligências nesse momento e só vamos parar quando realizar todas as prisões”, afirmou o delegado.

 Operação iniciou nesta quinta-feira (31) e segue até o cumprimento de todos os mandados — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Operação iniciou nesta quinta-feira (31) e segue até o cumprimento de todos os mandados — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Publicidade

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento