Conectado por

Mato Grosso

Mais de 70 mulheres vítimas de violência doméstica utilizam ‘botão de pânico’ em MT

Publicado por

em

Ao todo, 75 mulheres vítimas de violência doméstica utilizam a Unidade Portátil de Rastreamento (UPR), popularmente conhecida como ‘botão de pânico’. De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (SESP), o equipamento serve para proteger a vítima quando o agressor tentar se aproximar dela novamente.

Continua após a publicidade

Ainda segundo a SESP, nos últimos três anos, 517 mulheres em situação agredidas por seus maridos utilizaram a UPR para se proteger.

O uso destes equipamentos foi implantado em Mato Grosso, em 2014. Atualmente, o serviço é coordenado pela Gerência de Monitoramento Eletrônico da SESP.

Projeto

Está tramitando na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), um projeto de Lei que visa o cumprimento e ampliação deste medida de proteção para todos os municípios do estado.

O projeto foi aprovado em segunda votação na sessão de terça-feira (19). A proposta, de autoria do deputado Delegado Claudinei (PSL), deve ser encaminhado para a sanção do governo do estado.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *