Conectado por

Geral

Maior mina de Minas Gerais pode voltar a operar


Compartilhe:

Publicado por

em

A 1ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias de Belo Horizonte autorizou a retomada das atividades da Barragem Laranjeiras, em Barão de Cocais, e do Complexo Minerário de Brucutu, em São Gonçalo do Rio Abaixo, ambas na Região Central de Minas Gerais, pertencentes à Vale. As informações são do G1.

A mina do Brucutu é a maior do estado.

Segundo o G1, o juiz Michel Curi e Silva disse que “não faz nenhum sentido ‘castigar’ a Vale, que não é uma pessoa propriamente dita”. Ele ainda disse que “até mesmo o ressarcimento dos prejuízos causados pelo rompimento da maldita Barragem de Brumadinho dependem da sobrevivência da empresa”.

Os empreendimentos estavam paralisados desde o dia 4 de fevereiro quando a própria Justiça proibiu a mineradora de lançar rejeitos no local.

Dois dias depois, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável cancelou a autorização provisória para operar da barragem de Laranjeiras.