Conectado por

Agronegócios

Desempenho do frango (vivo e abatido) na 27ª semana de 2019


Compartilhe:

Publicado por

em

O frango vivo negociado no interior paulista passou pela primeira semana de julho – 27ª do ano – sem apresentar qualquer alteração de mercado. Ou seja: continuou com a cotação básica inalterada em R$3,30/kg (valor que vem desde a segunda quinzena de junho) e ainda com transações por valores inferiores, pois, independente do momento do mês, permanece com oferta superior à demanda.

Pelo menos à primeira vista, não foi a oferta que aumentou (exceto pelo fato de que, com a baixa das temperaturas, os frangos em criação agora adquirem mais peso): a demanda é que vem sendo estritamente regulada, mantendo-se em nível que não apenas preserva os preços do frango abatido, como também se vale do momento favorável do mercado (época de pagamento de salários).

Não por menos, a semana que passou foi encerrada com uma cotação média 2,5% superior à alcançada ao final da semana anterior. Isto sem contar que o valor registrado foi quase um quarto superior ao de um ano antes, na mesma data. Ou seja: um desempenho mais robusto que o da ave viva, cuja valorização anual não passou de 10%.

Com o mês apenas começando, o frango abatido registra valor médio 2,34% e 26,30% superior às médias de junho passado e de julho de 2018, respectivamente. Já o frango vivo fecha a semana inicial do segundo semestre com uma média 10% superior à do mesmo mês do ano passado, mas com perda superior a 4% na comparação com junho último.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *