Conectado por

Agronegócios

Citros: Baixo ritmo de colheita e demanda aquecida impulsionam preço da Tahiti

Publicado por

em

Segundo colaboradores, além do baixo ritmo de colheita, devido ao maior tempo de permanência da fruta (ainda verde) nas árvores, a demanda interna esteve aquecida, principalmente em decorrência do período de início de mês. Assim, a média da variedade de segunda a quinta-feira foi de R$ 59,14/cx de 27 kg, colhida, alta de 57,4% em relação à do período anterior.

Continua após a publicidade

Para as próximas semanas, produtores acreditam que a oferta de tahiti se mantenha baixa e que os preços continuem firmes. Por outro lado, as cotações mais elevadas limitaram os embarques da fruta ao mercado internacional, devido à competição com o México neste período.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *