Conectado por

Medicina

Barriga Inchada: entenda as causas e como proceder


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

Você já sentiu a sua barriga inchada? Esse é um contratempo com origens que vão desde quadros de saúde temporários e simples, até problemas crônicos e mais sérios. Por isso, seja em um caso como em outro, aos menores sinais de que o abdômen está inchado, é preciso buscar ajuda médica.

O inchaço da barriga é um quadro de distensão abdominal, que faz com que a região fique visivelmente maior do que é. Há fatores que aumentam bastante a chance desse distúrbio de saúde acontecer, mas, existem muitos tratamentos estabelecidos para contornar o problema.

Neste post, o Sempre Bem listou as principais causas da barriga inchada, com as explicações dos tratamentos que podem ser feitos para reverter a situaçãoAcompanhe!

Quais são os sintomas da barriga inchada?

Antes de conhecer os motivos que levam a esse problema, vale saber quais são os principais sintomas da barriga inchada. Isso vai ajudar a identificar se o contratempo acontece com você ou não.

Veja os principais sintomas da distensão abdominal:

  • aumento de tamanho do abdômen;
  • dores na barriga ao toque;
  • queimação;
  • arrotos;
  • gases;
  • vômitos;
  • indigestão;
  • falta de apetite;
  • diarreia;
  • fezes moles;
  • cólicas
  • náusea;
  • má digestão.

Quais são as principais causas da barriga inchada?

Excesso de gases

O excesso de gases produzidos pelo organismo acontece devido a alimentação. Determinados alimentos causam mais flatulência, como feijão, couve, lentilha e grão-de-bico.

Entretanto, além de tais alimentos, os gases em excesso podem ser por causa de intensa ansiedade, intestino preso e distúrbios digestivos, como a intolerância à lactose.

Qual tratamento pode ser feito nesse caso?

O excesso de gases pode ser tratado de forma simples, com algumas mudanças de hábitos. Evitar alimentos que produzem flatulências é o primeiro deles, seguido da prática regular de atividades físicas — elas auxiliam na digestão e evitam o acúmulo de gases.

Também, para estimular soltar os gases, faça um exercício simples na camaDeite-se com a barriga para cima e dobre os dois joelhos em sua direção. Segure-os com as mãos e repita isso por cerca de dez vezes, fazendo pressão.

Síndrome do intestino irritável

Esse quadro ocorre quando o intestino fica inflamado logo depois de uma refeição. Além da barriga inchada, a prisão de ventre e a diarreia podem acontecer nessa condição.

Qual tratamento pode ser feito nesse caso?

O principal motivo que leva a crises de irritação no intestino é a má alimentação, o sedentarismo e o estresse intenso.

Veja o que fazer para reverter esse problema:

  • evitar pratos gordurosos, com excesso de carne vermelha e de porco;
  • não consumir refrigerantes e bebidas com gás;
  • reduzir o consumo de bebidas alcoólicas;
  • comer devagar e mastigar bem;
  • não beber muito café e outros líquidos com cafeína;
  • evitar o estresse;
  • interromper o cigarro;
  • praticar atividades físicas

Prisão de ventre

Também conhecido como constipação intestinal, esse problema acontece por diversas causas. Entre elas estão o estresse, falta de exercícios físicos, baixa ingestão de água e a má alimentação.

Qual tratamento pode ser feito nesse caso?

Veja o que fazer para reverter essa causa de barriga inchada:

  • praticar atividades físicas;
  • beber muita água diariamente;
  • comer alimentos ricos em fibras e com casca, como a maçã;
  • ingerir mais legumes e verduras;
  • evitar o estresse.

Gastrite

A gastrite é popularmente chamada de queimação de estômago, mas, esse quadro traz outras sensações. Entre eles, a barriga inchada, a perda de apetite e até mesmo refluxo e vômitos.

Esse contratempo que é a inflamação das mucosas do estômago surge por diversas razões. O principal deles é a alimentação rica em alimentos gordurosos e ácidos, mas, também inclui a predisposição genética e o uso frequente de alguns medicamentos.

Qual tratamento pode ser feito nesse caso?

Quem convive com o problema agudo ou crônico da gastrite deve realizar várias mudanças na rotina, que vão devolver a saúde do estômago.

Veja as principais dicas para evitar a gastrite:

  • fazer refeições menores;
  • beber mais água;
  • comer frutas, verduras e legumes diariamente;
  • evitar bebidas alcoólicas;
  • moderar o consumo de carnes brancas e vermelhas;
  • não condimentar muito as refeições;
  • relatar a todos os médicos que se consultar, que tem o problema, pois, assim eles poderão prescrever medicamentos menos agressivos ao estômago.

Ascite

A ascite é um caso que se desenvolve quando há o acúmulo de líquidos no abdômen, formando a popular barriga d’água.

Os sintomas mais aparentes desse distúrbio são a barriga inchada e dura, umbigo para dentro ou para fora, e até falta de ar.

Qual tratamento pode ser feito nesse caso?

O quadro de ascite é mais grave e exige a intervenção médica, que deve investigar os motivos do acúmulo de líquidos no abdômen.

Entretanto, há algumas dicas básicas que podem ser praticadas pela pessoa, para reduzir a gravidade do problema com rapidez.

Veja o que fazer em casos de barriga inchada causada pela ascite:

  • reduzir ao máximo o consumo de sal;
  • beber líquidos com moderação, pois eles podem inchar ainda mais a barriga;
  • não beber álcool, refrigerantes e qualquer bebida com gás;
  • nos casos graves, o procedimento de remoção de líquidos do abdômen poderá ser feito — apenas o médico poderá avaliar a necessidade dessa intervenção;
  • fazer caminhadas — elas podem ajudar a eliminar um pouco do líquido acumulado.

Apendicite

A apendicite é um quadro de inflamação intensa do apêndice, uma pequena bolsa que fica ligada ao intestino grosso. A barriga inchada seguida de dores muito fortes, incluindo ao toque na região do abdômen, são os principais indícios do problema.

Outro indício que mostra que é um caso de apendicite é a dor que começa perto do umbigo e se espalha pelo abdômenVontade de vomitar e diarreia, além de prisão de ventre também ocorrem.

Qual tratamento pode ser feito nesse caso?

É de extrema importância que ao perceber os sintomas que indicam a apendicite, busque ajuda médica rapidamente. Pois, o apêndice pode estourar e agravar a situação ainda mais.

Caso seja comprovado o problema, o apêndice será removido em uma pequena cirurgia, que é rápida. Um tratamento será indicado também pelo médico, para garantir uma boa recuperação.

Quando é necessário procurar a ajuda de um médico?

Entre todas as causas da barriga inchada citadas no post, há outras três que devem ser consideradas dentro de suas condições.

Durante a gravidez e a menstruação podem acontecer quadros do tipo, e o médico ginecologista ou obstetra deverão ser consultados.

Também, há o caso de inchaço de órgãos e até tumores na região do abdômen. Ambos contratempos exigem uma análise médica mais aprofundada, que deverá providenciar um tratamento para essas condições mais sérias.

Por fim, ao perceber a sua barriga inchada e com outros sintomas mencionados no post, e a piora da situação, busque ajuda médica urgentemente. Se houver febre, sangue na urina ou fezes, dores insuportáveis, o auxílio profissional deve ser emergencial.

 

Semprebem.paguemenos.com.br

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Publicidade
Casas De Apostas Online

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento