Conectado por

Aripuanã

Acadêmico de Direito morre esmagado pelo próprio veículo em Aripuanã

Publicado por

em

O acadêmico de Direito, Fábio Marcelo Niclotte, 35 anos, morreu esmagado quando fazia conserto em sua camionete F-350 na tarde de domingo (23), em Sinop (500 km de Cuiabá-MT). As informações iniciais são de que Fábio fazia um reparo e troca da carroceria do veículo que havia trocado por uma casa.

Continua após a publicidade
<

De acordo com familiares, Fábio Niclotte foi até a nova moradia. Lá, aproveitou para fazer os reparos. Como demorou para retornar, esposa e filha foram até a localidade e encontraram o portão fechado. A filha conseguiu pular o muro e nisso encontrou seu pai preso em baixo do veículo.

Ainda de acordo com os familiares, Fábio colocou um macaco para erguer o veículo e em seguida, deitou-se embaixo do carro para realizar o serviço. Nesse momento, o macaco se deslocou e toda a estrutura do automóvel caiu sobre o peito da vítima.

Consta nas informações que o Corpo de Bombeiros foi chamado, mas o universitário já estava sem vida. As circunstâncias do acidente só serão reveladas após a perícia da Polícia Judiciária Civil de Sinop.

Fábio Marcelo Niclotte era natural de Aripuanã, casado, e tinha três filhos. Ele cursava a faculdade de Direito, por esse motivo mudou-se para Sinop com a família.

O corpo deve ser sepultado em Aripuanã, onde seus pais residem. O horário do velório e o sepultamento ainda não foram definidos.