Conectado por

Mato Grosso

Presos costuram máscaras contra o novo coronavírus e recebem redução de pena

Publicado por

em

Detentos da Cadeia Pública de Chapada dos Guimarães ( a 65 km de Cuiabá) do projeto Costurando para Liberdade em parceria com a Secretaria de Assistência Social do Município estão investindo no Projeto de Ressocialização, onde pelo menos nove reeducandos estão fabricando máscaras no combate ao Covid-19. Para realizar os trabalhos a secretaria empresta cinco máquinas de costura e 25 metros de tecido, além de 10 metros de elástico e linhas.

Continua após a publicidade
<

Somente neste domingo (12) de Páscoa os detentos entregaram 100 unidades, que segundo a secretaria de assistência Social, Roseli Mascarroz Belfort, serão utilizadas e distribuídas para a população assistida por eles. “Essa parceria tem apelo menos 1 ano e meio. As máquinas já ficam com a cadeia Pública. E neste momento difícil resolvemos confeccionar máscaras. Elas serão distribuídas nas filas do Cras, onde estamos ajudando as pessoas que não têm acesso à internet ou que não sabem com realizar o Cadastro Emergencial”, disse a secretária.

O objetivo é confeccionar 1.500 máscaras e todos serão destinadas à Secretaria de Assistência Socia do município. O diretor da cadeia, Amiltom Nascimento explicou a reportagem do  que o projeto existe há alguns anos. E que os detentos que participam do projeto têm a pena diminuída. O projeto contava anteriormente com 17 reeducandos, mas que alguns foram conseguindo a liberdade e atualmente contam com no.

“O nome do projeto é Costurando para Liberdade. Como o nome mesmo diz, diminui penas dos detentos. São eles mesmos quem costuram. Fora do tempo da pandemia costuramos uniformes escolares e até uniformes para detentos de outras cadeias. Agora neste período estamos unindo o útil ao agradável”, destaca.

A Cadeia Pública de Chapada dos Guimarães tem 79 presos, que estão divididos em 16 celas individuais e coletivas. Ela está localizada no bairro Centro da Cidade.

Fonte: https://www.rdnews.com.br/