Conectado por

Educação

Prefeitura de Candeias do Jamari investe na qualidade de ensino e político de oposição no intuito de aparecer a qualquer custo trabalha contra a educação

Publicado por

em

Foto ilustrativa

Continua após a publicidade

 

A prefeitura municipal de Candeias do Jamari, preocupada em elevar a nota no IDEB – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, está investindo na qualidade da educação e capacitando professores e supervisores e adquirindo mais livros para atingir a meta, que é elevar a nota que está baixíssima, para uma posição mais satisfatória.

O prefeito Lucivaldo Fabrício tem se empenhado juntamente com servidores da educação de seu município em proporcionar uma educação com mais qualidade. Lucivaldo Fabrício além de administrar um orçamento reduzido e fazer os investimentos necessários em cada área pública, tem que lutar contra as pessoas que são contra o desenvolvimento da cidade e da qualidade de vida da população. Um ex-candidato a prefeito derrotado nas últimas eleições tem criticado a atitude do executivo e mostra que para aparecer politicamente, escolheu o caminho errado, criticar os investimentos na educação.

Sobre a aquisição de novos livros, a condenadora municipal da educação infantil do candeias do Jamari, Maria Regina destacou que o material didático é de grande importância para educação infantil. “A nossa rede municipal atende 599 crianças da creche a pré-escola.  Estes alunos serão contemplados com coleção de livros, sendo que é de suma importância este material didático, pois é um excelente suporte de ensino para as crianças. Agradecemos o empenho do nosso prefeito Lucivaldo Fabrício, do secretário de educação e principalmente dos vereadores pela aprovação dos materiais de educação”.

Maria Regina explicou ainda que a educação infantil é a base, onde a criança tem que ter o ensino de qualidade e excelência para conseguir um futuro promissor.

A coordenadora, assim como o prefeito e toda secretaria de educação, tem como meta melhorar o índice do IDEB, Candeias figura na lista com um dos mais baixos do país!

Já o prefeito Lucivaldo Fabrício, comemorou mais uma etapa vencida. “ Este ano avançamos muito, graças ao nosso esforço, e em conjunto com demais servidores da educação, todos os alunos da base infantil receberam livros. Foram comprados no exercício de 2019 para o atendimento de 2020 e como teve uma grande demanda, onde aumentou muito os números de alunos, então tivemos que fazer novos investimentos para este ano e 2021, capacitamos nossos professores e supervisores, lembrando que as compras dos livros já tinham sido feitas antes da pandemia da corona, que na qual ninguém esperava e infelizmente tem gente que com sede de ocupar o poder um dia, começa a mentir, espalhar notícias distorcidas, enfim, trabalhando contra o município e pior! Contra nossas crianças!” destacou Lucivaldo.

Os livros foram entregue nas escolas, e na sequência serão  entregues aos pais dos alunos.  Outro fator importante que o prefeito destacou é que devido a pandemia do coronavírus, as aulas estão sendo feita a distância e os livros tem sido fundamental neste momento que município atravessa, bem como o mundo todo.

Para finalizar, o prefeito destacou que é necessário a aquisição dos livros destinados aos alunos do quarto (4°) ano do Ensino Fundamental, pois esses alunos serão o público alvo da prova SAEB(Prova Brasil) de 2021. Candeias é um dos municípios brasileiro com menor nota, dados de 2017 teve 4.1. (Veja quadro abaixo)

“Vale ressaltar que os nossos alunos vêm de um sistema de ensino onde não tiveram a oportunidade de estudarem com materiais didáticos de qualidades. Pautado nesses termos, apontamos ser de extrema relevância a aquisição de materiais didáticos para atender a demanda desses alunos da rede Municipal de Candeias do Jamari e com isso melhorar, a curto, médio e longo prazo, o índice do IDEB municipal e justificamos que a aquisição se pauta na necessidade de melhorar as práticas pedagógicas mediadores de aprendizagem em ambientes coletivos, o desenvolvimento pleno das crianças e disponibilização de materiais que de condições de trabalho aos decentes. Pois as crianças como sujeito de direito que, nas interações, relações e práticas cotidianas que vivenciam: constroem sua identidade pessoais e coletiva, brincam, imaginam fantasias, deseja, aprendem, observam, experimentam, narram, questionam. A educação é a prioridade das prioridades em nosso município”. Finalizou Lucivaldo Fabrício.

Sobre o IDEB – O Censo Escolar é aplicado anualmente em todo o Brasil, coletando informações sobre diversos aspectos das escolas brasileiras, em especial as matrículas e infraestrutura. Todos os níveis de ensino são envolvidos: ensino infantil, ensino fundamental, ensino médio e EJA.

O indicador de aprendizado varia de 0 até 10 e quanto maior, melhor. Porém o 10 é praticamente inatingível – significaria que todos alunos obtiveram rendimento esperado. O Ideb é calculado com base no aprendizado dos alunos em português e matemática (Prova Brasil) e no fluxo escolar (taxa de aprovação).

RONDÔNIA

No site do MEC (Ministério da Educação) os dados atuais são de 2017 e nos anos finais da rede estadual atingiu a meta e cresceu, mas não alcançou 6,0. (veja quadro abaixo)