Conectado por

Religião

Perigo! Construção instável


Compartilhe:

Publicado por

em

Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa. Lucas 6:49.

Parte 02

O prédio onde se encontravam os arquivos da cidade de Colônia foi desenhado para preservar cerca de 65 mil documentos antigos, dentre os quais se encontravam alguns com mil anos de idade, em boas condições. O prédio armazenava os documentos em prateleiras que se estendiam por mais de 24 quilômetros. Durante 38 anos tudo ali foi protegido contra todo tipo de influência climática. Então veio o desabamento que enterrou 95% dos arquivos. A causa verdadeira do desastre demorou muito tempo para ser determinada. Todavia, uma coisa era clara: a construção do túnel tornou os alicerces do edifício suscetíveis, não suportando a inundação e o deslizamento que seguiu-se.

Na parábola das duas casas, o Senhor Jesus indica a importância do alicerce sobre o qual edificamos nossa vida, nossa alegria e nosso futuro. Quando Sua Palavra é ouvida e praticada, onde Cristo é, de fato, o Redentor e o Senhor, encontramos firmeza e segurança. Mas, todo o que ouve e não faz o que o Senhor diz, irá experimentar o colapso da sua vida, em última instância, quando tiver que comparecer diante de Deus sem ter a Cristo como seu Redentor. Nesse caso, todo cuidado que foi tomado para garantir a alegria e a segurança se provará inútil.

Ouvindo e obedecendo: as pessoas hoje não querem ouvir o que Cristo, o Senhor, tem a nos dizer. O desabamento do prédio com o arquivo da cidade de Colônia, a insegurança dos mercados financeiros e da economia mundial, além de outros eventos trágicos, evidenciam a fragilidade humana e precisam causar profunda impressão acerca da necessidade que temos de examinar os alicerces de nossa vida.  

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *