Conectado por

Agronegócios

Maçã: Horas de frio já começam a ser contabilizadas


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

Com a finalização da colheita da safra 2017/18, as atenções agora se voltam ao período de dormência das macieiras, que está se iniciando. Durante essa fase, sobretudo no inverno, as plantas têm a atividade fisiológica reduzida ao mínimo, para guardar as reservas para um novo ciclo.

Assim, além de algumas atividades de campo, como a poda, produtores e empresas de pesquisa começaram a contabilizar as horas de frio (abaixo de 7,2°C) e Unidade de Frio (modelo Carolina do Norte) – que são necessárias para uma brotação uniforme e eficaz.

De 1º de abril a 27 de maio deste ano, a Epagri já contabilizou 434 UF em São Joaquim (SC), abaixo da média histórica – inferior, também, ao valor registrado em abril e maio de 2017. Não apenas a cidade serrana tem contagem abaixo da média: todos os outros municípios ainda estão com baixas UF’s – Vacaria (RS) com 226 UF e Fraiburgo (SC) com 202 UF.

Embora o frio ainda esteja abaixo da média histórica e, até mesmo de 2017, as expectativas são positivas para 2018. Com a leve atuação do La Niña no início deste ano, meteorologistas esperam queda nas temperaturas médias frente às do ano passado – o fenômeno pode garantir mais frentes frias por conta da diminuição da temperatura do oceano.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 + três =

Publicidade
Betfair

ALE-RO

ÓTICA DINIZ
Online Cassino


Desenvolvimento