Conectado por

Mato Grosso

Consumo de peixe na Quaresma deve aumentar 30% em relação ao mesmo período do ano passado


Compartilhe:

Publicado por

em

Com o período da Quaresma, o consumo de peixe aumenta e, de acordo com a Associação dos Aquicultores do Estado de Mato Grosso (Aquamat), a venda de pescados em Cuiabá neste ano deve aumentar cerca de 30% em relação ao ano passado, em 2019.

No ano passado, a associação estimou a comercialização de 600 toneladas de peixe neste período. São muitas as variedades de peixes ofertadas nos mercados e feiras na cidade.

Durante a Semana Santa e a Páscoa, os católicos dedicam-se ao jejum e trocam a carne vermelha por peixe. Esse período é um ritual que fiéis usam para lembrar os 40 dias de penitência em que Jesus Cristo passou no deserto e os sofrimentos que suportou na cruz.

“A Quaresma está associada ao peixe também por um sentido bíblico. O peixe é símbolo da eucaristia, do próprio Jesus, que alimenta nossa vida”, contou o padre Deusdédit Monge de Almeida.

O comportamento que reflete no aumento do consumo de peixes é comemorado pelos comerciantes, pois aumentam significativamente as vendas neste período.

Peixes devem estar frescos para serem vendidos  — Foto: TVCA/Reprodução

Peixes devem estar frescos para serem vendidos — Foto: TVCA/Reprodução

O presidente da Aquamat, Igor Davoglio, explicou que é importante que a população certifique-se que o peixe tenha sido inspecionado por órgãos de fiscalização. Para escolher bons peixes, é preciso verificar se eles estão frescos.

De acordo com os comerciantes do Mercado do Porto, os peixes mais procurados são o pintado, cachara, o pacu e a piraputanga. Os pescados produzidos em tanque costumam ser mais baratos que os de rio.

O produtor de eventos, Denival Siqueira, contou que tem o hábito alimentar de trocar a carne vermelha por peixe há 30 anos. Ele faz o consumo de peixe durante todos os dias da Quaresma, que vai da Quarta-feira de Cinzas até o Domingo de Ramos, na Páscoa.

A carne de peixe também é rica em vitaminas do complexo B, como a B12 e o ácido fólico. Mas, provavelmente, a maior contribuição dela para o organismo seja o Ômega 3.

Especialistas dão dicas de como escolher os peixes. As escamas e a carne devem estar bem firmes, os olhos saltados para fora e as guelras vermelhas. No supermercado, eles precisam estar sempre imersos em gelo e em boas condições de higiene. Apenas o bacalhau é comprado salgado.

Os peixes mais procurados são o pintado, cachara, o pacu e a piraputanga — Foto: TVCA/Reprodução

Os peixes mais procurados são o pintado, cachara, o pacu e a piraputanga — Foto: TVCA/Reprodução

Fonte: G1