Conectado por

Medicina

China faz alerta para pneumonia mais letal que a covid-19

Publicado por

em

Uma nova pneumonia mais letal que a covid-19 estaria se espalhando em várias cidades do Cazaquistão, segundo um alerta feito por autoridades chinesas. O país da Ásia Central, no entanto, negou que esse seja um surto novo ou desconhecido, mas reconheceu a presença de “pneumonias virais de etiologia não especificada”.

Continua após a publicidade

Segundo o comunicado da embaixada chinesa, houve um aumento nos casos nas cidades de Atyrau, Aktobe e Shymkent desde meados de junho. A doença teria matado 1.772 pessoas na primeira metade do ano, com 628 mortes somente no último mês, incluindo vários cidadãos chineses.

As autoridades da China disseram que ainda não está claro se a doença é causada por um vírus relacionado ao coronavírus ou por uma cepa diferente.

China alerta para pneumonia mais letal (Crédito: Prostock-Studio/istock)

A embaixada chinesa reforçou que o Cazaquistão precisa tomar medidas de contenção para impedir que a pneumonia se espalhe. Também orientou os moradores da região não saírem às ruas sem necessidade, evitar áreas públicas com aglomerações e continuar com medidas preventivas, como usar uma máscara, desinfetar espaços, lavar as mãos com frequência.

Coronavírus no Cazaquistão

Até o momento, o Cazaquistão registrou mais de 50.0000 casos confirmados de covid-19, incluindo 264 mortes. Em 19 de março, o país impôs uma quarentena nas cidades de Nur-Sultan e Almaty, onde um maior número de casos estava ocorrendo.

(Catraca Livre)