Conectado por

Amazonas

Audiência discute preços abusivos dos combustíveis em Manaus

Publicado por

em

Uma audiência na sede do Ministério Público do Amazonas, na manhã desta segunda-feira (3), discute os preços dos combustíveis praticados em Manaus. De acordo com o MPE-AM, o objetivo é tratar sobre o aumento da gasolina na capital, mesmo após a terceira queda consecutiva de preço anunciada pela Petrobras. Órgão e entidades ligadas ao assunto participam da reunião.

No dia 30, a Petrobras anunciou o corte em 3% preço médio da gasolina e do diesel nas refinarias. Já é a terceira vez que a estatal corta o preço dos combustíveis.

Além da 81ª Promotoria de Defesa do Consumidor, participam da reunião membros da Comissão de Defesa do Consumidor, Núcleo da Agência Nacional de Petróleo (ANP) no AM e representantes de aplicativos de transporte.

Nos últimos dias, 24 multas foram aplicadas a postos de combustíveis em diversos bairros de Manaus após fiscalização para coibir o aumento abusivo no preço da gasolina.

De acordo com o Procon, a operação foi realizada a partir de denúncias e reclamações recebidas pelo Procon Manaus por conta dos altos valores nas bombas.

De acordo com o Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor e Ouvidoria (Semdec), durante as operações também são autuadas distribuidoras que não repassam as reduções anunciadas pelas refinarias aos postos.