Conectado por
Governo de Rondônia

Religião

Visões e Traslado: algo obscuro no Rio de Janeiro; convocado SBT; Arnaldo César Coelho; muita chuva; trama para encurralar as pessoas e forcá-las ser vacinadas … Por Pra. Elza Amorim Carvalho

Publicado por

em

Visões e Traslado: algo obscuro no Rio de Janeiro; convocado SBT; Arnaldo César Coelho; muita chuva; trama para encurralar as pessoas e forcá-las ser vacinadas; mapa do Brasil; São Paulo; África do Sul, morte por causa das vacinas.
Na madrugada do dia 02 de Janeiro de 2021, eu tive essas visões, assim como, eu também fui trasladada em meu espírito e vi e ouvir o que segue;
Eu ouvia muita confusão, algo muito tenso, haviam articulações, e eu ouvir assim:
“Você nem sabe o que está perdendo o que estar acontecendo no Rio de Janeiro”
(Tem algo muito escuro acontecendo no Rio de Janeiro, uma manipulação para prejudicar a população) Saberemos.
Depois eu ouvia muitas falas, e eu tive a impressão que havia um plano para pegar alguém, muitas manobras, foi quando eu ouvir assim”
“Denuncia o convocado SBT para dizer o nome…”
(Eu entendi que era uma trama para forçar alguém denunciar outra pessoa)
Saber-se-á.
Depois eu ouvia vários nomes, mas eu só lembro deste:
“Arnaldo César Coelho”
(Algo com ele vai acontecer, Saberemos)
Depois eu vi uma Cidade, e estava tudo muito nublado, não dava para ver nada, estava tudo cinzento, eu só via algo há alguns metros, o resto, terra e céu era tudo cinza, e parecia ser de chuva, muita chuva, assustador. Foi quando eu me ouvir dizer assim:
“Meu Deus o que é isto?”
Minha mente voltou.
(Algum lugar deve ficar submerso na chuva, algo sério vai acontecer, sabermos)
Depois eu via cenas diferentes, era uma menina que estava aprontando muito, ela entrava nos lugares, não roubava nada, só bagunçava e ia embora. Essa menina ficou visada.
E haviam muitas pessoas em um lugar que parecia uma secretaría, e eu via alguém passando articulando algo contra a menina, eu via pessoas fazendo planos para prender a menina, a adolescente, essas pessoas achavam que a menina estava assim aprontando porque não havia tomado a vacina.
Então eu me vi em uma lugar, uma espaçosa recepção, e a atendente era minha amiga, ela estava conversando comigo e falava da menina, e ela me contou que havia um plano armado para quando a menina fosse entrar ali, porque ela iria entrar ali assim que anoitecesse, então, eles iam pegar a menina e vacinar a força, e ela completou:
“estão querendo comprar seringas e agulhas para isto”
Foi quando eu disse para a recepcionista:
“porque vão fazer isto?
Não é não por causa da falta da vacina que a menina estar agindo assim, isto é influência do mal, a vacina só vai prejudicar a menina. Que injusto é o que vão fazer”
Minha mente despertou.
(Eu não sei se esta menina é a juventude, uma Cidade, eu pensei que possa ser até a Bahia, não sei bem, mas se refere as pessoas, pessoas estas que estão enfrentando, e saindo de debaixo destas malditas normas de prevenção.
Então prefeitos, governadores junto a Secretarias, estão articulando para comprar por conta própria seringas e agulhas para encurraladar a população e obrigá-la a ser vacinada, sob algum tipo de ameaças)
Que o Senhor nos livre do poder das mentes opressoras.
Era aproximadamente as 14:00horas do dia 01 de Janeiro de 2021, quando eu tive essas visões:
Eu vi o mapa do Brasil, e eu ouvia muitas falas, e via duas Cidades em destaque, mas devido o muito barulho,  e eu não conseguir entender, lembro-me que eu ouvir o nome de  São Paulo, e vi um lugar marcado no meio do mapa do Brasil, eu não sei se era Tocantins, mas era naquele miolo ali e algo acontecia.
Depois eu ouvia muitas falas, notícias, e eu ouvir assim:
“África do Sul, mais de 8 pessoas já morreram depois da vacina”
Penso que foi na voz da Jornalista Janine Borba.
(O que essas vacinas vão destruír as pessoas não será fácil.
Quando o mundo perceber que caiu no engodo do maligno, vai haver muito lamento, mas…eu tenho alertado, ninguém crê.
Mas, quando vier isto (eis que está para vir), então saberão que houve no meio deles um profeta. Ezequiel 33:33
Pra. Elza Amorim Carvalho
# redes sociais

Continua após a publicidade