Conectado por

Elza Amorim Carvalho

VISÃO: vacinas tríplice viral e mortes com águas de rio – Por Elza Amorim Carvalho


Compartilhe:

Publicado por

em

Na madrugada deste dia, 18 de marco de 2019, eu tive as seguintes visões:
Eu vi um grupo de pessoas, elas estavam preocupadas e discutiam  sobre o que estava acontecendo,  havia tumulto, tensão.
Aquelas pessoas marcavam em um mapa, grande, que estava sobre uma mesa, e apontavam para três Regiões diferentes.
E elas falavam: enviaram as três doses das vacinas? 
E assinalavam no mapa com uma caneta, os lugares que tinham sido enviadas. 
Eu entendi que, uma localidade daquelas não era no Brasil, eu tive a impressão que se referia ao um nome parecido com Bogotá.
Quando a minha mente voltou, eu comecei a ver uma mão com uma luva, e ela segurava uma seringa, tinha líquido dentro da seringa, e a mão, ela virava a seringa entre os dedos.
Eu também ouvir os nomes das regiões para onde tinha sido enviadas as vacinas, mas, por eu ter demorado de anotar, eu os esqueci.

Nesta visão o que entendi é que há problemas com as vacinas tríplice viral.
Algo que não será bom para quem as tomou. 
E que, havia muita tensão na tentiva de fazer algo em prol.

Hora depois,  eu tive outra visão, eu via cenas rápidas e ilegíveis para mim.
Mas, eu ouvir uma voz como sendo uma repórter que dizia:  470 mortes no rio …(não tenho certeza se foi Paraopeba. Esse nome ficou na minha cabeça) 
Eu tinha ouvido o nome do rio, mas não conseguir guardar, e vi  também, cenas,  com águas muito sujas e com mal cheiro.
Minha mente voltou,

Quem quiser ouvir que ouça, quem quiser dar ouvidos que dê.

E disse: Ouvi agora as minhas palavras; se entre vós houver profeta, eu, o Senhor, em visão a ele me farei conhecer, ou em sonhos falarei com ele. Números 12:06

Pra Elza Amorim Carvalho 
[email protected]

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *