Conectado por

Elza Amorim Carvalho

Visão: Exército em ação

Publicado por

em

Na manhã deste dia, 22 de junho de 2018, eu tive a seguinte visão.
Eu vi centenas de homens de roupas camufladas, ou seja, do Exército, todos armados com fuzis.

Continua após a publicidade

Eles estavam em diversas localidades.

Vi em uma rua, homens do Exército,  e na frente deles haviam outras pessoas. Em determinado momento, eu vi, um dos homens do Exército, gesticular com a mão direita, e um outro, atirou com fuzil, e um homem com roupa diferente, caiu morto na frente dele.

Já em outro lugar, eu vi, homens do Exército, com um joelho no chão e com o fuzil apoiado no ombro, em posição de atirar, enquanto outros se movimentavam atirando.
Vi um lugar que parecia ser uma subida, e era um lugar que tinha mato,  enquanto alguns seguiam, e atiravam, outros faziam gestos para que outros avançassem.

Vi também, uma parede muito alta, e sobre esta parede haviam arames, daqueles que parece uma mola, e que servem para impedir que alguém ultrapasse.
Este muro era de uma esquina de rua, na minha visão, eu entendi que se tratava de uma prisão.

E, como se fosse um farol,  o clarão ia passando por vários lugares, para que eu pudesse ver os homens do exército atuando. Eram muitos.
Minha mente voltou.

Então, eu entendi que, o Exército vai entrar em ação,  não sei se nas ruas,  em alguma Cidade,  ou em complexo prisional.

E disse: Ouvi agora as minhas palavras; se entre vós houver profeta, eu, o Senhor, em visão a ele me farei conhecer, ou em sonhos falarei com ele. Números 12:06