Conectado por

Saúde

Vício de crianças em alimentos ultraprocessados aumenta; especialista comenta


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

Atualmente, um dado alarmante marca o vício das crianças em alimentos ultraprocessados. O Ministério da Saúde aponta que, somente no Brasil, a obesidade atinge 13% dos meninos e 10% das meninas com idade até 17 anos. Além disso, um estudo da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) estima que o sobrepeso aumentou 10 vezes no mundo em pessoas dessa faixa etária.

A pesquisa que foi desenvolvida por meio de três alimentos: biscoitos, embutidos e refrigerantes, contou com o diagnóstico de 139 crianças, de 9 a 11 anos acima do peso. Todas eram matrículadas em escolas de baixa renda de São Paulo. O resultado mostrou que 24% dos entrevistados são dependentes de alimentos ultraprocessados. 

A pessoa com vício alimentar pode desenvolver padrões de comportamento descontrolados ao consumir substâncias que causam prazer. A especialista em obesidade Gladia Bernardi, autora do best-seller “Código Secreto do Emagrecimento”, explica que as crianças escolhem seus alimentos considerando o que mais os atraem visualmente pelo rótulo, por isso, em sua maioria, os escolhidos são chocolates, salgadinhos e refrigerantes.

“Esses alimentos ultraprocessados, normalmente, causam sensação de bem-estar nas crianças, é por isso que devemos nos atentar, pois essa sensação pode ser um ‘gatilho’ para a compulsão alimentar no futuro”, enfatiza a especialista.

A especialista ainda explica que os pais são responsáveis pela alimentação dos filhos desde que eles são pequenos. “Evite alimentos que viciam como o açúcar. O bebê que consome muito doce, como o excesso de achocolatado, por exemplo, vai criar uma dependência no açúcar e achar que deve comer uma sobremesa toda vez que acabar de comer. O alerta vale para os adultos”, finaliza. 

Gladia está à disposição da imprensa para falar sobre o assunto.

Sobre Gladia Bernardi –  Autora do best-seller “Código Secreto do Emagrecimento (Ed. Gente), Gladia Bernardi é nutricionista funcional, especialista em obesidade e em emagrecimento consciente. Há 18 anos pesquisa e trabalha em busca da solução para a obesidade, e após mais de 35 cursos em nutrição, medicina integrativa, física quântica, neurociência e programação neurolinguística, criou seu próprio método, o Emagrecimento Consciente. Por meio de técnicas e ferramentas pioneiras, que dispensam dietas restritivas, prescrição de medicamentos ou intervenções cirúrgicas, o método já eliminou 72 mil toneladas em todo o Brasil e em outros 15 países. Idealizadora do programa online de emagrecimento Casa da Mente Magra, que dura 10 semanas e  oferece todo o suporte para quem quer perder peso, com vídeo-aulas, exercícios mentais, programas de exercícios físicos, mitos e verdades sobre diversos tipos de alimentos, entre outros bônus e conteúdos exclusivos.  
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − seis =

Publicidade
Casas De Apostas Online

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento