Conectado por

Ariquemes

Unidade de crédito do Proampe é inaugurada para fortalecer pequenos negócios em Ariquemes


Compartilhe:

Publicado por

em

O Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), deu mais um grande passo na consolidação do Programa de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores de Pequenos Negócios do Estado (Proampe). Nesta sexta-feira, 23, em Ariquemes foi entregue a terceira Unidade de Crédito do Proampe no Estado que tem como objetivo beneficiar micro e pequenos empreendedores formais e informais voltados para atividades produtivas do município do Vale do Jamari.

De acordo com o superintendente da Sedi, Sérgio Gonçalves, presente na assinatura do temo de adesão com a Prefeitura de Ariquemes, o Proampe foi instituído pelo Decreto n.º 25.555, de 16 de novembro de 2020 nos mesmos moldes do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) do Governo Federal. “O programa de microcrédito do Estado existe há mais de 15 anos, mas precisava passar por um processo de aperfeiçoamento. Desta forma, buscou-se uma modelagem que seja sustentável e a longo prazo com baixo custo, inclusive para o Estado e com maior eficiência no volume de crédito efetivo ao mercado. Através dele os empreendedores de pequenos negócios terão acesso a crédito rápido conjugado com capacitação e assistência técnica”, salientou o superintendente.

Somente nesta primeira etapa do programa serão aportados pelo Governo do Estado cerca de 10 milhões de reais, valor somado aos recursos disponíveis no mercado financeiro para operações que atendam aos parâmetros permitindo alcançarmos ao final de 2 anos uma carteira de 100 milhões de reais em operações de microcrédito. A prefeita de Ariquemes Carla Redano comemorou o avanço. “O nosso município só tem a crescer com o Proampe, tenho certeza de que nossos micro e pequenos empresários vão aproveitar. Vai ser uma injeção na economia muito forte e eu acredito que os resultados que sairão daqui vão refletir no restante do Estado”, disse a prefeita.

O governador, coronel Marcos Rocha, detalhou como o programa vai funcionar. O microcrédito será disponibilizado no valor de até 30 mil reais. Um recurso importante nesse momento da pandemia. “Somos um dos únicos estados do país com as contas equilibradas e com isso podemos iniciar com esses 10 milhões de reais em linhas de financiamento, com crédito de baixo custo e depois captar mais no mercado financeiro. Entendo que um Estado é rico quando as pessoas que moram nele também enriquecem” destacou o governador esclarecendo ainda que o programa é uma forma de fazer chegar esse recurso a quem está precisando e assim estimular ainda mais a retomada das atividades econômicas no Estado afetadas pela pandemia. A ação de governo foi destacada pelo presidente da Assembleia Legislativa Alex Redano, que elogiou o empenho do Governo do Estado em desenvolver a economia de Rondônia, além de manter um relacionamento harmônico com o poder legislativo.

Nesta primeira fase, o Proampe ainda será implantado em mais 11 municípios, tendo como foco estimular atividades que sejam produtivas. As próximas implantações previstas são nos municípios que já aderiram ao Programa faltando ainda Alta Floresta, Candeias do Jamari, Cerejeiras, Espigão do Oeste, Guajará-Mirim, Ji-Paraná, Nova Brasilândia, Pimenta Bueno, Rolim de Moura, São Francisco do Guaporé, São Miguel e Vilhena. Mas a intenção do Governo é que chegar aos 52 municípios de Rondônia até 2022.

Rondonia.ro.gov.br