Conectado por

Economia

Tour virtual dos apartamentos em SP ajuda o mercado imobiliário em tempos de pandemia

Publicado por

em

A pandemia do novo coronavírus mudou a forma de vender apartamentos em SP e no Brasil. Antes, os possíveis compradores visitavam apartamentos à venda e conversavam com os corretores presencialmente. Agora, a tecnologia assume o papel de protagonista nas relações de compra e venda de imóveis.

O Tour Virtual foi a saída encontrada pelas imobiliárias e construtoras para continuar vendendo mesmo com os desafios impostos pelo isolamento social. O setor imobiliário, que encerrou 2019 com bons resultados e começou 2020 com uma expectativa de crescimento de 3%, de acordo com a Câmara Brasileira da Construção, vem sofrendo impactos devido ao vírus.

A Associação Para Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil, fez uma pesquisa na segunda quinzena de março (início do período de isolamento), e apontou que 45% dos entrevistados desistiram de comprar imóveis. No entanto, 55% continuavam com o objetivo de comprar um novo lar.

Tecnologia é a saída

Assim como outras áreas, a tecnologia se tornou ainda mais importante neste período delicado. Comprar apartamentos studio, casas e outros imóveis sem poder visitar pessoalmente o local parecia impossível antes da pandemia.

Agora, utilizando os recursos tecnológicos, tudo ficou mais fácil. Algumas empresas estão apostando no Tour Virtual para que as pessoas possam conhecer os apartamentos à venda em sp sem sair de casa. Isso pode acontecer de diversas formas:

No próprio site da imobiliária

Antes mesmo da pandemia, muitas imobiliárias já contavam com essa inovação no site. Ao invés de ver apenas fotos dos apartamentos em São Paulo, a pessoa interessada pode fazer um tour virtual 360º, sendo mais fácil de visualizar o espaço. Com o isolamento social, esse recurso é ainda mais útil para os compradores.

Com agendamento

Outra forma adotada pelas empresas para vender apartamentos no Centro de São Paulo e em outras regiões é o agendamento de visita virtual. Caso o imóvel seja novo, o próprio corretor é o responsável por fazer o vídeo. Portanto, o futuro comprador combina com o profissional o dia, horário e como será feita a visita virtual.

Em alguns casos, os corretores fazem uma chamada de vídeo com o comprador para que a pessoa possa ver em tempo real, além de tirar dúvidas. Mas também há a possibilidade de gravar vídeos dos cômodos do apartamento studio à venda e depois mandar para a pessoa interessada.

Se for um imóvel ocupado, o próprio dono faz os vídeos do apartamento SP e envia para os corretores. Os profissionais entram contato com o cliente e mandam os vídeos para que ele possa conhecer o espaço.

Realidade virtual

Uma maneira mais sofisticada de conhecer imóveis decorados de empreendimentos que ainda não foram construídos, ou seja, apartamentos na planta, é a realidade virtual.

Com os óculos, o futuro comprador consegue simular uma visita ao local. Por ser um recurso mais tecnológico e inovador, as pessoas conseguem até interagir com o ambiente e são guiadas pelas falas gravadas de corretores.

Assessoria