Conectado por

Direto de Brasília

Senador protocola notícia-crime no STF contra Paulo Guedes por offshore


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) acionou o Supremo Tribunal Federal (STF) para que a Corte solicite à Procuradoria-Geral da República (PGR) a abertura de uma investigação contra o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. Neste domingo (3/10), a Pandora Papers, que faz parte do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ), revelou que Guedes e Neto manteriam empresas no exterior em paraísos fiscais.

O líder da oposição no Senado Federal entende que a manutenção de offshore por membros da política econômica do governo pode apontar uma série de irregularidades. Pelo Twitter, o vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid afirmou que, além da notícia-crime, vai solicitar a presença de Guedes e de Campos Neto à Casa Legislativa para prestar esclarecimentos. Randolfe afirmou, ainda, que, enquanto o povo sofre com as consequências do dólar alto, Guedes acumula “lucro milionário”.

Em outro tuíte, o senador afirma que o ministro da Economia lucrou com a fome e a miséria do povo brasileiro:

O Procurador-Geral da República, Augusto Aras, deve oficiar Paulo Guedes para obter mais informações sobre a empresa nas Ilhas Virgens, país considerado um ‘paraíso fiscal’, por possuir condições fiscais atrativas para investidores estrangeiros, baixos impostos e total sigilo bancário.

Correio Braziliense

Publicidade
Casas De Apostas Online

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento