Conectado por
Governo de Rondônia

Saúde

Se você quer comer menos, não tenha pressa, coma devagar e veja com quem está comendo

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Dois novos trabalhos científicos revelam aspectos interessantes do ato de comer que podem ajudar quem deseja fazer controle de peso. Ambos os trabalhos foram publicados entre o final do mês passado e o início deste novo ano na revista Journal of the Academy of Nutrition and Dietetics.

O primeiro trabalho elabora uma revisão da literatura analisando 15 estudos que avaliam o comportamento alimentar. As evidências são consistentes com a idéia que o comportamento alimentar pode ser transmitido socialmente. A informação indicando que outras pessoas estão escolhendo alimentos de alta energia ou baixa energia aumenta a probabilidade da pessoa fazer uma escolha qualitativa similar. O mesmo se repete com a quantidade de comida. Pessoas que são informadas ou veem outros comer mais, têm maior probabilidade de comer mais também. Os pesquisadores concluem com isso que as escolhas alimentares estão associadas a uma identificação social.

O segundo trabalho avaliou o comportamento alimentar no que diz respeito à velocidade com que a pessoa ingere a comida. Foram avaliadas pessoas de peso normal e pessoas obesas ou com sobrepeso (a pessoa com sobrepeso é aquela que tem o índice de massa corporal de 25 a 30 e a pessoa obesa tem o índice de 30 a 35). Os participantes faziam uma refeição em condições tranquilas e relaxadas, sem preocupações com o tempo. Numa segunda experiência a refeição era feita numa situação de restrição de tempo em que o ambiente transmitia uma sensação de pressa.

Os dois grupos de pessoas consumiram menos na situação de refeição sem pressa, quando comparado com a refeição rápida. Entretanto, só nos grupos de peso normal a ingestão energética foi estatisticamente menor na refeição lenta. Pessoas de peso normal significativamente reduzem a ingestão calórica quando comem mais devagar. Ambos os grupos referiram menos fome passada uma hora da refeição lenta, comparada com a refeição rápida. E os de peso normal relatam uma maior sensação de saciedade com a refeição lenta. Esses dados comprovam que o tempo de refeição, principalmente para as pessoas de peso normal, tem grande impacto sobre o controle de peso.

O conjunto de resultados destes dois trabalhos pode servir como subsídios para a aplicação de estratégias de controle de peso. Tanto o tempo de refeição (a comida rápida do dia-a-dia agitado contra o sentar na mesa da refeição sem pressa), como a influência das pessoas com quem compartilhamos o momento da refeição são elementos que podem ser condicionados no sentido de realizarmos refeições mais saudáveis.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *