Conectado por

Artigos & Colunas

RD POLÍTICA:Tapa-buracos é paliativo na BR 429, mais de 500 demissões na reforma administrativa da ALE/RO, Alan Queiroz é opção dos tucanos em Porto Velho

Publicado por

em

Demissões – Mais de 500 pessoas foram exoneradas na Assembleia Legislativa (Ale), dentro da reforma administrativa promovida pela Mesa Diretora, presidida pelo deputado Laerte Gomes (PSDB/Ji-Paraná). A expectativa é que retornem, apenas 300, que seria a quantidade de cargos comissionados disponíveis no novo organograma da reforma, que está sendo aplicada na Casa do Povo, após o início do ano legislativo e o término do período de recesso parlamentar.

Continua após a publicidade

BR 364 – As cobranças ao Departamento Nacional de Infraestrutura-Dnit são muitas e constantes, devido a situação da BR 364, principal rodovia federal no Estado, que liga o Rondônia e o Acre com as demais regiões do país. A 364 também tem tráfego intenso durante o período de safras de grãos (soja, milho, café) como agora de Rondônia e de parte do Mato Grosso, ao porto graneleiro de Porto Velho, no rio Madeira. São cerca de 2.5 mil carretas, bitrens e treminhões/dia. Como Rondônia tem, apenas duas estações climáticas, verão (seca) e inverno (chuva) o leito da 364 fica todo esburacado nas chuvas prejudicando o transporte, além de favorecer acidentes. O trecho da 364 entre Porto Velho e a divisa com o Mato Grosso, com cerca de 700km é chamado de “Corredor da Morte”.

BR 429 – Outra rodovia federal das mais movimentadas em Rondônia é a BR 429, que liga Presidente Médici, na BR 364 a Costa Marques, na divisa com a Bolívia. A região é forte produtora de grãos e principal ligação com o vizinho país. A exemplo da 364, a 429 está com a maior parte do trecho de cerca de 340km tomado pelos buracos e dificultando a passagem de veículos de pequeno, médio e de grande porte. O Dnit já iniciou o tapa-buracos na 429, um trabalho paliativo, que atende os interesses financeiros das empreiteiras, mas assim mesmo em ritmo lento, moroso. Rondônia, através de suas lideranças políticas, agrícolas, institucionais e comerciais devem pressionar o governo federal, para que a 364 e a 429 sejam restauradas e não apenas com um serviço de tapa-buracos.

Prefeito – Não é um acaso o bom desempenho de o vereador de Porto Velho, Alan Queiroz (PSDB) na enquete realizada pelo Rondônia Dinâmica para saber dos seus leitores, quem é o representante do parlamento mirim mais atuante. Alan teve 41% de aprovação do público, que votou na enquete iniciada na sexta-feira (28) e encerrada na terça-feira (2). Alan é a “terceira via” do partido presidido pela deputada federal Mariana Carvalho, mas comandado pelo ex-senador e ex-presidente do diretório regional Expedito Júnior, na sucessão municipal de Porto Velho. Caso Hildon Chaves (PSDB) opte por não concorrer à reeleição, o nome do partido para a disputa é o do vereador Alan Queiroz. Anote.

Resultado de imagem para ALAN QUEIROZ

Se Hildon não sair a reeleição, um destes vereadores, pode ser o ungido do PSDB – Mauricio ( esquerda) e Alan Queiroz

Prefeito II – No caso de Hildon Chaves abrir mão de concorrer, o que é pouco provável, mas não impossível, a preferência de Mariana seria para seu irmão, o vereador Maurício Carvalho, que também foi bem avaliado na enquete do RD. Ele é o 4º mais bem cotado com 9% das intenções de voto. Maurício já presidiu o legislativo municipal e, além da irmã (Mariana) deputada federal, seu pai, Aparício Carvalho já foi vereador na capital, deputado federal e vice-governador. Mas a preferência da maioria dos tucanos é por Alan Queiroz.

Respigo

O presidente do diretório do MDB de Ji-Paraná, empresário Jônatas França está organizando o seminário do próximo sábado (7), na câmara de vereadores denominado Prepara o 15, à partir das 16h. Temas como marketing e redes sociais, legislação eleitoral, o que pode e não pode no período eleitoral, mulheres na política e votos dos jovens estão entre os temas do encontro +++ Jônatas assumiu o partido recentemente e já realiza um trabalho dos mais eficientes, inclusive já com nome do pré-candidato a prefeito nas eleições de outubro próximo, o ex-vereador Isaú Fonseca, que se filiou em recente encontro partidário. O MDB deverá fazer a diferença na disputa pela prefeitura e na composição da câmara de vereadores +++ O desleixo com as rodovias estaduais é motivo de críticas constantes dos deputados estaduais. O deputado Adelino Follador (DEM-Ariquemes) solicitou que o DER recupere o trecho na região de Buritis, que está intransitável e perigoso +++ Como a região tem divisa com o Mato Grosso, Follador disse que, ao cruzar a fronteira as rodovias do vizinho Estado estão bem diferentes de Rondônia. Por que o abandono das nossas rodovias e estradas vicinais?

Por Waldir Costa / Rondônia Dinâmica