Conectado por
Governo de Rondônia

Religião

Quando Jesus demora a voltar

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Quando Maria chegou ao lugar onde estava Jesus, ao vê-Lo, lançou-se-Lhe aos pés, dizendo: Senhor, se estiveras aqui, meu irmão não teria morrido. João 11:32.

Segundo o evangelho de João, o maior milagre realizado por Jesus foi a ressurreição de Lázaro. Entretanto, a grandeza do milagre está associada à frustração da família: Jesus só chegou quando já fazia quatro dias que Lázaro estava sepultado (Jo 11:17).

Sua aparente demora destruiu os argumentos de Seus opositores que, então, decidiram matá-Lo (Jo 11:53). Foi um momento marcante, pois a partir dali começou a jornada de Cristo para a prisão, morte e ressurreição.

A família não aceitava a demora de Jesus, que havia sido avisado de que Lázaro estava gravemente enfermo. O Senhor ficou dois dias no lugar onde estava (Jo 11:6) e depois decidiu ir para a Judeia (Jo 11:7). Parecia ignorar o momento de dor de Seus amigos. Quando finalmente chegou a Betânia, ouviu as palavras de decepção de Marta e Maria (Jo 11:21, 32).

Você também já se sentiu inconformado pelo fato de Jesus demorar a vir? Talvez tenha pensado: “Se o Senhor já tivesse vindo, minha filha não teria morrido naquele acidente”; “minha esposa não teria sofrido tanto com aquela doença”; “meu filho não teria saído da igreja”; “meu negócio não teria falido”.

A aparente tardança de Jesus tem sido retratada em nossas canções: “Não desistir, Cristo vem logo”; “É só um pouco mais, um pouquinho mais”; “Eu não Me esqueci de ti”.

A impaciência é natural para quem vive num mundo saturado pelo pecado e espera ver logo o Salvador. Podemos confiar que Jesus voltará no tempo certo. Mark Finley disse de modo acertado: “O atraso para a volta de Jesus está apenas na mente das pessoas, mas nunca na mente de Deus.” Em vez de alimentar a dúvida, renove a esperança. O apóstolo Pedro disse: “Não retarda o Senhor a Sua promessa” (2Pe 3:9). Quando Ele não vem no momento em que esperamos, é porque está preparando uma bênção maior.

O conselho inspirado para nós hoje é: “Sejamos animados pelo pensamento de que o Senhor logo virá. Que essa esperança alegre nosso coração. ‘Porque, ainda dentro de pouco tempo, Aquele que vem virá e não tardará’ (Hb 10:37)” (Testemunhos Para a Igreja, v. 9, p. 287).

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *