Conectado por

Religião

Quando a fé é afrontada… – Por Bispo Macedo


Compartilhe:

Publicado por

em

A revolta da Fé que ferve é causada pela ação do diabo ao povo de Deus, o que justifica o sentimento de ódio.

Se há um sentimento a ser cultivado na Fé, esse sentimento é o da revolta.
Revolta contra opressão ao povo de Deus. Aí, sim, a Fé ferve e é sentida pelos que vivem pela Fé.

Abraão sentiu a revolta da Fé quando soube do cativeiro do sobrinho Ló. Não aceitava ter o SENHOR como seu Deus e perder seu sobrinho para os inimigos pagãos;

A revolta da Fé de Jacó também não foi diferente quando teve de lidar com seu sogro enganador;

Moisés sentiu a revolta da Fé quando viu um egípcio castigando um judeu. Movido pela revolta da sua Fé em Deus, partiu para cima dele e o matou;

Josué e Calebe sentiram a revolta da Fé quando os demais espias se acovardaram diante da força dos cananeus;

Gideão sentiu a revolta da Fé quando os midianitas, amalequitas e os povos do Oriente invadiram Israel destruindo suas plantações;

Sob o reinado de Ezequias não foi diferente. Senaqueribe afrontou o Deus de Israel dizendo para o rei Ezequias:

Não sabeis vós o que eu e meus pais fizemos a todos os povos das terras? Porventura puderam de qualquer maneira os deuses das nações daquelas terras livrar o seu país da minha mão? Qual é, de todos os deuses daquelas nações que meus pais destruíram, o que pôde livrar o seu povo da minha mão, para que vosso Deus vos possa livrar da minha mão? 2 Crônicas 32.13,14

Todos os demais heróis da Fé um dia sentiram a humilhação da afronta da miséria, da fome, da doença incurável, da falta de oportunidade, dos problemas familiares, no casamento, enfim, em todas as áreas da vida. Só que eles aproveitaram o limão e fizeram uma limonada. Partiram para o Altar de Deuse cobraram dEle as providências que Ele mesmo havia prometido em Sua Palavra.

Será que Suas Promessas caducaram? Será que Ele não é o Mesmo?

Veja a resposta Divina quando o rei Ezequias, vestido de pano de saco, se humilhou diante do Altar do Templo:

PorPortanto, o SENHOR Deus diz o seguinte a respeito do rei da Assíria: Ele não entrará nesta cidade e não atirará uma só flecha contra ela. Nenhum soldado com escudo chegará perto da cidade, e não serão construídas rampas de ataque ao redor dela. O rei da Assíria vai voltar pelo mesmo caminho por onde veio, sem ter entrado nesta cidade. Eu defenderei e protegerei esta cidade por causa da Minha honra e por causa da promessa que fiz ao Meu servo Davi. Eu, o SENHOR, falei. 2 Reis 19.32-34 (BLH)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *