Conectado por

Cuiabá-MT

Projeto mostra processo de restauração de casa no Centro Histórico de Cuiabá


Compartilhe:

Publicado por

em

Nesta sexta-feira (16), a partir das 16h, o projeto “Memórias de um Restauro” apresenta o processo de recuperação da Casa 603, no Centro Histórico de Cuiabá, como forma de contribuir para a educação patrimonial e preservação do patrimônio na capital mato-grossense. A apresentação será feita totalmente online, no YouTube e Facebook do projeto.

A arquiteta, historiadora e professora universitária aposentada, Ludmilla de Lima Brandão comprou a residência em 2019. Posteriormente, encaminhou um projeto para a Prefeitura de Cuiabá e teve uma ação aprovada por meio do edital da Lei Federal Aldir Blanc em Cuiabá, executada pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, com apoio do Conselho Municipal de Política Cultural.

A proprietária, que também é proponente do projeto contemplado em edital executado pelo município de Cuiabá, conta que à medida que a equipe contratada para a obra trabalhava no restauro da casa, ela foi reconhecendo a importância histórico-arquitetônica do espaço e identificando a necessidade de registrar todo o processo.

“Ter sido contemplada com recursos deste Edital é a oportunidade de efetivar essa Memória e compartilhar os conhecimentos produzidos ao longo da requalificação, que acreditamos poderá não apenas beneficiar profissionais e estudantes que desejam atuar com patrimônio histórico, mas, principalmente, sensibilizar outros proprietários/moradores ou potenciais proprietários para iniciativas semelhantes e até mais audaciosas em termos de investimento”, destaca.

Ao longo do processo de restauração, o arquiteto André Campos e o fotógrafo Fred Gustavos fizeram registros de imagens para poder refazer o percurso de restauro.  Assim, os registros fotográficos do imóveis e textos do Memorial Descritivo farão parte de um espaço expográfico na residência.

 A casa abrigará a Sede e Residência Artística da Paratudo Artes – um coletivo interdisciplinar composto por ela, pelo fotógrafo e artista visual Fred Gustavos, por Suzana Guimarães (Doutora em História), Quise Gonçalves (Doutora em Estudos de Cultura Contemporânea) e Giordanna Santos (Doutora em Cultura e Sociedade).

Olhar Direto