Conectado por

Saúde

Prevenção ao câncer


Compartilhe:

Publicado por

em

Quando se pensa em tabagismo, é lembrado o câncer de pulmão, mas ele também tem relação com outros tipos de tumores, como o de cabeça e pescoço, que acontece na boca, na garganta e nas cordas vocais, todos relacionados com o hábito de fumar.

Homens que fumam tem de sete a dez vezes mais possibilidades de desenvolver esse tipo de câncer. Quando uma pessoa para de fumar, diminui esse risco. A dica é se esforçar para abandonar o cigarro. Embora para alguns pareça difícil, ajuda médica pode ajudar a conseguir.

Outra questão importante é que todos que recebem elevada exposição solar podem ter câncer de pele. As campanhas de uso de filtro solar já são rotina, mas muitos esquecem que o lábio também sofre com a exposição solar.

Existe uma associação entre a exposição ao sol e o câncer de lábio inferior, que deve ser adequadamente protegido com produtos específicos. Em caso de dúvida, procure um médico ou seu dentista para fazer uma avaliação e saber se feridas na região são lesões simples ou se merecem uma biopsia ou uma investigação maior. Feridas que não cicatrizam em duas semanas merecem um cuidado especial e uma avaliação médica.

Antonio Bertelli é professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Contato: [email protected]