Conectado por

Agronegócios

Preços do açúcar fecham mistos nos mercados internacionais; etanol volta a subir


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

Em Nova York, a commodity fechou valorizada apenas nos dois primeiros lotes, de maior liquidez. No vencimento julho/19, o demerara foi cotado a 12.62 centavos de dólar por libra-peso, variação positiva de 8 pontos. A tela de outubro/19 valorizou 3 pontos, com negócios firmados em 12.86 cts/lb. As demais telas fecharam em queda que oscilou entre 1 e 2 pontos.

Em Londres, o açúcar branco fechou em baixa nas três primeiras telas. No vencimento julho/19, a commodity foi comercializada a US$ 333,70 a tonelada, baixa de 2,10 dólares. Na tela outubro/19, a queda foi de 90 cents de dólar e 70 cents de desvalorização no vencimento dezembro/19. Os demais lotes subiram entre 10 e 50 cents de dólar a tonelada.

Mercado doméstico

No mercado doméstico o açúcar teve sua terceira baixa seguida pelos índices do Cepea/Esalq, da USP. O açúcar cristal foi vendido nesta quarta-feira, pelas usinas paulistas, cotado em R$ 61,89 a saca de 50 quilos, desvalorização de 0,98% no comparativo com os preços praticados na véspera.

Etanol hidratado

Após seis quedas seguidas, o etanol hidratado voltou a subir nesta quarta-feira de acordo com os índices da Esalq/BM&FBovespa. O metro cúbico do biocombustível foi vendido ontem em R$ 1.679,50, valorização de 1,02% em comparação aos preços praticados no dia anterior.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 1 =

Publicidade
Casas De Apostas Online

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento