Conectado por
Governo de Rondônia

Artigos & Colunas

Precisamos manifestar a nossa fé – Pra Elza Amorim Carvalho

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus. Mateus 5:16
Os dias são difíceis, as coisas estão complicadas demais, o engano domina por todas as partes, o medo apavora as pessoas, e a incerteza do que possa acontecer é notória. As pessoas perderam o sentido da vida, já não existe respeito, a honestidade foi posta para fora, o mau ficou como bom, e o bem só míngua.
O errado é distorcido e camuflado depois aplaudido, ovacionado, quanto o certo é pisoteado. O que tem realmente valor tem sido esquecido, banido, tudo está ao avesso.
É preciso olhar e buscar a Deus, não se deixar entorpecer com os valores deste mundo, não se corromper com os diagnósticos conturbados dos homens más.
É necessário lutar, não se vender, não sucumbir diante da amplitude das trevas, mas distanciar-se do mal, ser uma pitada de sal neste insosso mundo, ser uma pequena fagulha de luz em meio a tão densa escuridão, ser o que dê sentido, que contribua para o bem, que expurgue a discerminacão do maligno.
É preciso fazer a diferença nesta geração tão atraída pelo fascínio da facilidade, da maldade, embriagada pelo poder das trevas, sucumbida pela opressão e desrazão.
Somente a manifestação do poder de Deus através da nossa vida poderá clarear tanta obscuridade.Não devemos ter medo, mas ter fé, a palavra de Deus nos ensina que um justo nunca é abandonado e nem a sua descendência mendiga o pão, então, o segredo para não sermos dominados pelo caos é confiar em Deus, é praticar a justiça, é andar por fé e não por vistas.
Precisamos interromper com este círculo vicioso de incerteza e medo, e implantar no coração das pessoas  sementes selecionadas por Deus, precisamos estimular as pessoas ao bem, ao certo, ao reino dos Céus. Precisamos praticar a justiça e bondade, manifestar a nossa fé, fazer Cristo ser visto em nós.
Pra Elza Amorim Carvalho
# redes sociais