Conectado por
Governo de Rondônia

Mato Grosso

Policias Civil e Militar Prende Suspeito Envolvido no Desaparecimento do Caseiro de Colniza

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Através de um trabalho conjunto entre as Polícia Civil e Militar do município de Colniza, foram presos, nesta quinta-feira, 04 suspeitos supostamente envolvidos no sumiço do caseiro Wellington Gomes.

Os suspeitos foram presos em uma casa no Bairro Garça, com um revólver e com várias porções de drogas, e ao ser interrogado pelos policiais um dos suspeitos acabou confessando que teria matado o caseiro e deixado o corpo próximo a linha G1, nos informou o Capitão da Polícia de Colniza, Machado e o investigador Rone.

Ao se deslocarem até o local os policias deram início as buscas pelo corpo de Wellington, e devido a imensa escuridão não foi possível localizar a vítima. As buscas continuarão pela manhã desta sexta-feira e segundo eles as pessoas interessadas em ajudar nas buscas podem comparecer pela manhã na delegacia a partir das 07 horas.

Além do indivíduo que confessou o crime, o investigador Rone nos informou que as investigações ainda continuam para apurar se os outros três presos têm envolvimento ou não na morte do caseiro Wellington.

Segundo o investigador Ferreira, as policias civil e militar não mediram esforços para identificar os autores do sumiço do caseiro Wellington, que chocou a população de Colniza devido à crueldade em roubar o veículo e ainda sumir com o corpo da vítima.

Entenda o caso

No último dia 26, em uma ação rápida da Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal, uma caminhonete HILUX que havia sido furtada no município de Colniza foi recuperada em Castanheira, após abordagem dos policias.

No sítio de onde o veículo foi furtado havia um caseiro, Wellington Gomes de 29 anos, conhecido como Penoso, que estava desaparecido desde o dia em que a caminhonete foi levada.

Na delegacia de Juína o casal preso disse não saber onde Wellington estaria. E após intensa investigação das forças policiais foi possível realizar as prisões na data de hoje (28).

Fonte: Colniza MT Notícias