Conectado por

Pará

Polícia encontra três garimpos ilegais em Altamira, no Pará

Publicado por

em

A Operação Castelo de Ouro da Polícia Civil fechou, nesta quinta-feira (29), três garimpos clandestinos no distrito de Castelo de Sonhos, em Altamira, no sudeste do Pará. Duas pessoas foram presas.

Continua após a publicidade
<

Policiais da Delegacia Especializada em Conflitos Agrários de Altamira e Santarém estiveram nas ações, em apuração sobre crimes ambientais na região. Segundo a Polícia, os garimpos fechados são de grandes proporções.

De acordo com as investigações, as atividades vinham causando danos ambientais diretos e indiretos da extração do ouro, envolvendo derrubadas, escavações, poluição de rios, entre outros problemas. Os garimpos estavam em pleno funcionamento quando os policiais chegaram.

A Polícia apreendeu sete escavadeiras; dois tratores de esteira; dois recuperadores de azougue e uma motosserra.

Polícia apreende equipamentos utilizado em garimpo ilegal no PA — Foto: Reprodução / Polícia Civil

Polícia apreende equipamentos utilizado em garimpo ilegal no PA — Foto: Reprodução / Polícia Civil

Queimadas

No Pará, operação do Governo do Estado busca conter os 10 mil pontos de incêndio espalhados por áreas de florestas. Aproximadamente 90% dos pontos de incêndio e desmatamento se concentram em três municípios paraenses: Altamira, Novo Progresso e São Félix do Xingu, no eixo da rodovia BR-163 e da Transamazônica.

As ações vão começar e seis municípios onde o fogo atinge unidades de conservação ambiental e terras indígenas. Cerca de 50 pessoas envolvidas com queimadas no Estado já foram identificadas.