Conectado por

Rondônia

PBES: Mais uma etapa do Programa Bem Estar do servidor é apresentada em Porto Velho


Compartilhe:

Publicado por

em

Mais uma etapa do ‘Programa de Bem-Estar do Servidor’ (PBES) foi apresentado esta semana. Na última quarta-feira (23/1), a adjunta da Secretaria Municipal de Administração (Semad), Ana Cláudia Geraldes Magalhães, que coordena o programa, reuniu servidores que representam o setor de Recursos Humanos das unidades do Município, para explicar como funcionará os projetos do PBES.

O programa tem por objetivo humanizar o ambiente organizacional, atendendo os servidores municipais na saúde, amparo social e acompanhamento, através de uma equipe interdisciplinar de acolhimento.

Os projetos serão voltados para as áreas de cultura e lazer, terapia comunitária, investigação do absentismo entre os servidores, acompanhamento de servidores com transtorno psiquiátricos e doenças graves, controle médico e prevenção de doença ocupacional, capacitação continuada e atenção a pré-aposentadoria e aposentadoria. Haverá ainda a inclusão de metas conjuntas ao calendário do Ministério da Saúde.

A coordenadora do programa, Ana Cláudia Magalhães, explicou que o município tem aproximadamente 12 mil servidores e que parte desses estão precisando de cuidado. “Nosso compromisso é priorizar a qualidade de vida dos servidores públicos. Estamos identificando as maiores necessidades, de acordo com cada secretaria”. Um exemplo disso é a Secretaria de Educação (Semed), onde a maior parte das ações serão focadas no emocional dos servidores.

Mulheres

A Diretora do Departamento de Políticas Públicas para Mulheres, Gina Brito, apresentou o projeto ‘Superação da Violência’. Após um estudo, foi identificado que o município tem aproximadamente 9 mil servidoras, e que o estado de Rondônia está em 4º lugar nas estatísticas da violência contra a mulher. Diante dos dados, foi incluído no Programa de Bem-Estar do Servidor uma programação para todos os servidores, voltada ao combate à violência doméstica, psicológica e emocional.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *