Conectado por

ALE/RO

Parlamentar reclama de excessos do Ibama na região de Cujubim

Publicado por

em

O presidente da Comissão de Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia (Cicct), deputado Geraldo da Rondônia (PSC), durante a reunião ordinária nesta terça-feira (14) denunciou excessos do órgão de fiscalização ambiental Ibama, na região de Cujubim, “prejudicando os empresários e o comércio em geral” relatou o parlamentar. 

Continua após a publicidade

Segundo Geraldo a situação em Cujubim é alarmante, com a entrada da cidade sendo guardada por policiais fortemente armados. O parlamentar reclamou do excesso dos servidores do Ibama nos estabelecimentos comerciais de madeira. “Julgam os empresários como praticantes de crimes, mas são pessoas honestas, que querem gerar empregos no setor madeireiro”, enfatizou. 

Geraldo exaltou que os empresários fazem pedido de socorro para a cidade. Conforme explicou, o Ibama estava averiguando uma denúncia de que havia sido extraída madeira em determinada área de reserva e invadiam o comércio sem pedir licença, utilizando de acusações, pressão para ver se alguém denunciava quem havia cometido o crime. 

“Por mim não haveria reserva, pois boi não come árvore, come capim. Se estão querendo acabar com nossos produtores, fica meu repúdio a forma arbitrária de o Ibama tratar nossos comerciantes”, enfatizou Geraldo. 

O deputado Dr. Neidson (PMN) propôs oficiar ao Ibama para que se faça presente e explique a situação das operações, que estão ocorrendo na região de Cujubim. Proposta aprovada por todos. Também foi aprovado o convite para falar sobre o Banco do Povo ao presidente da instituição para o próximo dia 28.