Conectado por

Amazonas

Paralisação de 100% da frota de ônibus surpreende passageiros em Manaus


Compartilhe:

Publicado por

em

A paralisação de toda a frota de ônibus do sistema público de transporte coletivo de Manaus surpreendeu muitos usuários, na manhã desta quinta-feira (31). Quem ia para o trabalho, ou aproveitar o feriado de Corpus Christi, enfrentou dificuldades com o transporte. Ainda não há previsão de término da greve dos rodoviários, que entrou no terceiro dia sem acordo entre patrões e empregados.

Sem saber que 100% da frota não tinha saído das garagens, a dona de casa Antônia Apolinário, de 57 anos, aguardava por ônibus no bairro Coroado, na Zona Leste da capital. Acompanhada da filha de 13 anos, ela tentava um meio de transporte para ir visitar o irmão doente na comunidade Gustavo Nascimento, no bairro Cidade de Deus, na Zona Norte.

 Dona de casa Antônia Apolinário não sabia da paralisação total da frota (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

Dona de casa Antônia Apolinário não sabia da paralisação total da frota (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

“Estamos esperando mais de 30 minutos e descobrimos agora que não vai passar nenhum ônibus. Essa situação é uma falta de respeito que está prejudicando a nós que somos usuários do transporte. Muitos precisam dos ônibus para ir trabalhar”, disse a dona de casa, enquanto buscava um ônibus alternativo que passaram circular de forma emergencial em toda cidade.

O estudante Eric Silva, de 22 anos, também desconhecia a greve total dos rodoviários. Esperando por um ônibus que o levasse no Terminal 5, a alternativa encontrada depois de horas de espera era pagar mais e embarcar em um micro-ônibus alternativo lotado.

 Estudante Eric Silva reclamou da falta de ônibus em Manaus (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

Estudante Eric Silva reclamou da falta de ônibus em Manaus (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

“Ia para casa da minha tia no Zumbi e moro no Coroado. O jeito é pagar mais caro ou ir a pé”, comentou o jovem no ponto de ônibus na Alameda Cosme Ferreira, Zona Leste.

Os usuários estão buscando também o transporte privado por aplicativos para driblar a falta de ônibus. Porém, parte dos usuários de ônibus não consegue arcar com o custo mais alto desse tipo de serviço e o preço das corridas de mototáxi.

“A movimentação por corridas de mototáxi está pequena. Em uma hora fiz duas corridas. Estamos com o mesmos preços, mas população está sem dinheiro”, disse o mototaxista Getúlio Oliveira, de 61 anos.

Rodoviários param 100% da frota no 3º dia de greve em Manaus

Rodoviários param 100% da frota no 3º dia de greve em Manaus

Greve

Os rodoviários paralisaram 100% da frota de ônibus do transporte coletivo de Manaus nesta quinta-feira. Este é o terceiro dia de greve dos motoristas e cobradores. A categoria reivindica reajuste salarial de 6,5%.

Os ônibus que deveriam circulam nesta quinta-feira permaneceram nas nove garagens desde 4h. Manaus tem uma frota aproximada de 1.300 coletivos.