Conectado por

Nacional

Para 60% dos brasileiros, lockdown é a melhor solução contra a Covid-19

Publicado por

em

Para 60% dos brasileiros, lockdown é a melhor solução para evitar o alastramento do novo coronavírus pelo país, contra os 36% que são contrários à medida. Os dados são do Datafolha, divulgados nessa terça-feira (26/05). A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais e escutou 2.069 adultos por telefone pra o levantamento.

Continua após a publicidade

Entre os entrevistados, 2% não souberam responder sobre o lockdown e 1% se mostrou indiferente. A medida é menos aceita na classe alta, que ganha mais de 10 salários mínimos: 50% dos considerados “ricos” foram contra, empatando com 47% a favor.

O Nordeste é a região que melhor aceitou a reclusão total, com 69% da população favorável. O local é cerce de desencontros políticos com Jair Bolsonaro (sem partido), que pede pela reabertura total do comércio. Ao contrário, o Sul foi a região que menos apoiou a ideia, com 54% de apoio.

Desrespeito à quarentena

A pesquisa também mostrou que, apesar de defender o confinamento, os brasileiros estão respeitando a quarentena cada vez menos. Dos entrevistados, 35% diz se cuidar, mas seguem saindo de casa. Os que alegam sair só em emergências ainda são o maior grupo, representando 50% da população. A porcentagem dos totalmente isolados caiu de 16% para 13%, em relação ao mês passado. Entre os confinados, a maioria (21%) é idoso.

Foi constatado que as mulheres saem menos que os homens, em que 25% está na categoria “me cuido, mas saio”, ante 46% dos homens; 68% das mulheres são favoráveis à medida, contra 52% do sexo masculino. Apesar disso, para 65% dos entrevistados, é mais importante que as pessoas fiquem em casa do que reabrir o comércio.

Os estudantes são os que mais apoiam o lockdown, com 83% de aprovação, contra o 55% de rejeição por parte dos empresários, em que somente 38% acatou a ideia. Para 40% da população, o país só voltará à normalidade num prazo de quatro meses a um ano.

METROPOLES