Conectado por

Mato Grosso

Os 3 possíveis mais votados à AL/MT


Compartilhe:

Publicado por

em

Quatro ou cinco partidos do palanque de Mauro Mendes estão fechando chapa proporcional na corrida por cadeira à Assembleia Legislativa de Mato Grosso-AL/MT, sendo eles MDB, PSD, DEM e PDT. E há uma tentativa do PSC do deputado Sebastião Rezende de entrar nesse chapão. A previsão, dentro de um quociente eleitoral de 60 mil votos por partido e/ou coligação, é do bloco garantir entre 10 e 12 vagas.

E os possíveis mais votados seriam os já deputados Janaína Riva (foto), do MDB, podendo ficar entre 50 mil e 60 mil votos, Eduardo Botelho (DEM) e Nininho (PSD), ambos acima de 40 mil.

Explica-se. Janaína construiu boa base nos municípios, “herdando” parte dela do pai, o ex-deputado Riva, atraiu para si eleitores descontentes com o Governo Taques e também os jovens com o trabalho contínuo nas redes sociais. Daí sua expectativa de se reeleger sem necessidade de votos de legenda. Nininho e Botelho são fortes empresários com estrutura gigante de campanha e núcleos de apoio em todas regiões.