Conectado por

Cuiabá-MT

Inquérito de médico atropelado por lancha troca de delegado e documentos são aguardados

Publicado por

em

O inquérito que investiga a morte do médico gastroenterologista do Hospital São Mateus, Luiz Carlos Alvarenga Júnior, de 39 anos, atropelado por uma lancha no Lago do Manso no último dia 7 de abril agora será investigado pelo delegado Marcelo Melo de Laerte, de Chapada dos Guimarães (64 km de Cuiabá). Ele afirmou que o caso deve ser finalizado em breve, restando apenas a entrega de alguns documentos.

O caso era investigado pelo delegado Sued Dias da Silva, que atuava na delegacia de Chapada dos Guimarães, mas recentemente ele foi transferido para outra unidade. O inquérito agora é conduzido pelo delegado Marcelo Melo de Laerte.

Continua após a publicidade

Segundo o delegado Marcelo, o inquérito já está próximo de sua finalização, restando apenas a entrega de alguns documentos. Ele disse que ainda está se inteirando do caso e ainda deve avaliar se será necessário mais algum interrogatório.
 
O caso

O médico Luis Carlos Alvarenga Júnior, de 39 anos, foi morto no Lago do Manso, nas proximidades de um resort na noite do dia 7 de abril.

De acordo com investigadores que estiveram no local, o gastroenterologista pilotava a moto aquática com um amigo na garupa entre duas lanchas. Eles retornavam da ilha Bora Bora sentido a Marina do Jair, quando caíram.
 
Uma das lanchas, conduzida por um amigo de 40 anos que vinha atrás atingiu o médico, que desapareceu por volta das 20h. Os seus próprios amigos iniciaram as buscas e conseguiram encontrar a vítima somente no início da madrugada do dia seguinte.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *