Conectado por

Porto Velho

NOTA DE PESAR: Expedito e Val Ferreira lamenta falecimento do ativista cultural Aluizio Guedes

Publicado por

em

Aluizio Guedes era professor, historiador e radialista. — Foto: Reprodução/Facebook

Continua após a publicidade

Lamentamos o falecimento do o folclorista Aluizio Guedes, um dos organizadores do tradicional Arraial Flor do Maracujá. A Fundação Cultural de Porto Velho (Funcultural), ocorrido na quinta-feira(3).

Professor, historiador e radialista, Aluizio Guedes também foi presidente interino da Federação de Quadrilhas de Rondônia. Atualmente, ocupava o cargo de vice presidente. O folclorista comandava ainda o Boi Bumbá Diamante Negro.

“Grande ativista cultural, Aluizio Guedes deixa um grande legado de compromisso e luta pelas políticas públicas para a cultura do estado, e neste momento de dor e perda, manifestamos nosso pesar aos familiares, amigos e admiradores”.

Expedito Junior e Val Ferreira

 

arquivo face

Sobre o falecimento – Segundo a famíllia do folclorista, Guedes passou mal e foi levado a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Porto Velho. Depois, seguiu ao Hospital e Pronto Socorro João Paulo II e, na sequência, foi encaminhado a uma unidade de saúde particular. Porém, ele não resistiu após sofrer um infarto.

Um dos filhos de Aluizio, Hudson Guedes, contou à Rede Amazônica que o folclorista sentiu cansaço e dor no peito na madrugada de quarta-feira (2) e, por isso, foi levado à UPA. Disse ainda que Aluizio chegou a passar por uma cirurgia de cateterismo há alguns anos, pois sofria de hipertensão. ( g1)