Conectado por

AL/MT

“Não foi Emanuel que ganhou, mas Abílio que perdeu para ele mesmo”, diz Janaína Riva


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

Nesta quinta-feira(24), à radio CBN de Cuiabá, a deputada estadual, Janaina Riva(MDB) asseverou que, ao contrário dela, ainda existem alguns políticos que se lançam em candidaturas, sem antes realizar uma pesquisa que meça popularidade. Ao lembrar que teria pensado muito, antes de buscar sua reeleição, e que só buscou seu retorno ao parlamento estadual, após pesquisa de intenções de voto, como forma de identificar o cenário eleitoral.

“Já havia dito – até por conta dos meus embates com Taques[Pedro Taques, na época governador do Estado pelo PSDB] -, que tinha me desgastado muito, que eu só iria para uma disputa se estivesse entre os três primeiros nas pesquisas. Porque eu não queria concorrer, colocar meu patrimônio numa campanha que eu poderia perder. Agora são poucos que pensam assim. A hora que eu vi que eu estava bem na pesquisa, eu falei, bom, agora eu vou”.

Mas eu disse que se ele for candidato, tudo bem, mas não no nosso partido, porque nosso partido tem outro objetivo, é só isso […] Mas é uma opção dele, mesmo ele sendo adversário eu não gostaria que ele passasse por uma frustração tão grande, como aquela que vai passar, caso seja candidato.

E ao classificar como ‘sem noção’ políticos que se lançam candidatos e que não conseguem aprender com os erros, a deputada emedebista usou o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro(do mesmo partido), como exemplo. Ao apontar a dificuldade com que Pinheiro ganhou o segundo turno das eleiçoes, em Cuiabá e, agora, já anunciando que pode se lançar na disputa pela Governadoria do Estado.

Fazendo questão de ressaltar que não foi o ‘prefeito[Emanuel] que ganhou a reeleição, mas que teria sido o seu adversário, Abílio Junior(Podemos), que teria perdido para ele mesmo’. Lembrando da dura queda eleitoral vivida pelo prefeito emedebista, em novembro do ano passado, quando ganhou com um pouco mais de seis mil votos, sua reeleição, pelo comando do Palácio Alencastro.

O prefeito Emanuel Pinheiro ganhou com 51,15% dos votos válidos[135.871 mil] contra 48,85% do ex-vereador Abílio Junior[129.77 mil votos], num total de 284.352. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, houve 6.325 (2,22%) votos brancos, 12.379 (4,35%) nulos e 93.745 (24,79%) abstenções.

“Porém tem gente que não pensa assim e isso realmente é muito ruim, parece que não aprende com os erros. Nas eleições agora de prefeito, do Emanuel Pinheiro, no primeiro turno, as pessoas que estavam lado dele diziam que ele iria ganhar e ele fez 30% dos votos válidos e foi para o segundo turno. Depois o Abílio perdeu para ele mesmo, assim não foi ele[Emanuel] que ganhou. E agora ele tem essa visão. Agora me fala, quantos votos Emanuel faz em Sorriso, quantos votos Emanuel faz em Sinop, quantos votos Emanuel faz em Rondonópolis, gente vamos parar, ver a realidade pelo amor de Deus […]”.

Revelando ainda que talvez Pinheiro veja este fato como algo superado, ao contrário do que ela observa pelas redes sociais. “Talvez ele dê este caso como superado, mas o que eu vejo, pelo menos nas redes sociais, é que muita gente falou, olha eu preferi votar no Emanuel com paletó, do que votar no Abílio. Mas pessoas que não são eleitores dele, são pessoas que são eleitores, mas não vinculados a ele”.

Mas memo baixando ‘tom’, buscando se redimir da própria narrativa, ao afirmar que ‘não era dona da verdade’, e que sua explanação era pautada por pesquisas e pelo que ela sentiu, na época, da população, a deputada não recuou, contudo, do posicionamento de seu partido, o mesmo de Pinheiro, que aponta, entretanto, para um possível apoio à reeleição de Mendes.

Tendo alguns de seus membros já se posicionado contra a candidatura de Emanuel, caso ele siga com a intenção de disputar, em 2022, o Palácio Paiaguás.

“[…] Mas eu disse que se ele for candidato, tudo bem, mas não no nosso partido, porque nosso partido tem outro objetivo, é só isso. Não sou totalmente contra a candidatura, eu sou até suspeita para falar, porque eu não gostaria que ninguém passasse, pelo o que ele vai passar se ele for candidato. Mas é uma opção dele, mesmo ele sendo adversário eu não gostaria que ele passasse por uma frustração tão grande, como aquela que vai passar, caso seja candidato”, ainda diz a deputada.

Obomdanoticia.com.br
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Publicidade
Casas De Apostas Online

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento