Conectado por
Governo de Rondônia

Agronegócios

Na França, Ministro Blairo Maggi defende o Brasil em coletiva com imprensa e visita Secretário-geral da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico – OCDE

Publicado por

em


Continua após a publicidade

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi participou de uma entrevista coletiva com imprensa Francesa, presentes CNA, Dr João Martins e a Dep Tereza Cristina da FPA e Embaixador do Brasil na França Paulo Cesar Campos. Maggi focou a defesa do Brasil e atacando os pontos negativos deles.

O Ministro Blairo Maggi visitou ainda o Secretário-geral da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico – OCDE, o mexicano Angel Gurria. Acompanhado do Embaixador Carlos Márcio Cozendey. “O diálogo franco e cordial tratou das ações do Brasil na organização e da adesão do país como membro pleno da OCDE.

Veja ainda:
Coreia do Sul abriu mercado para a carne suína do Brasil, diz ministro

Apesar do Brasil já participar de forma cooperativa, desde 2009, na organização e participar de 39 instrumentos legais da OCDE, ainda falta a concordância de um dos membros para a a adesão completa do Brasil. Os Estados Unidos da América ainda não deram seu apoio para esse objetivo. Países da América Latina como o México, Chile e Colômbia já são membros. Em breve Costa Rica, Argentina e Peru poderão também fazer parte da OCDE que elabora, também, importantes estudos na área de agricultura.

Entre eles, a avaliação de quanto cada país subsidia seu setor agrícola. Segundo a organização, o Brasil é um dos países que menos tem subsídios no setor agrícola e assim mostra a força do agro nacional. O Brasil e a OCDE continuarão trabalhando para que, em breve, haja participação efetiva do país nos outros 79 instrumentos legais da OCDE, tornado irreversível sua adesão completa.

Maggi apresentou ao Secretário-geral Angel Gurria informações sobre a sustentabilidade do agro brasileiro

Finalmente, apresentei ao Secretário-geral e sua equipe informações sobre a sustentabilidade do agro brasileiro com uso intenso de inovação e tecnologia, além de atrair mais jovens e mulheres em suas atividades, mais exemplos da força e qualidade da agricultura brasileira”. Disse Maggi via Mensagem de Watzapp

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *