Conectado por

Agronegócios

Mudança tenta recuperar imagem do BASA em Rondônia; Marcos Rocha colocou o estado nos eixos; Sal da Bolívia para atender os empresários


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

Por José Luiz Alves

 Mudança no BASA em Rondônia

Assume no próximo dia 17 de janeiro de 2022, a superintendência do Banco da Amazônia em Rondônia, Daniel Moura, em substituição a Diego Campos, que vinha ocupando a vaga interinamente o cargo desde o passamento do saudoso, Wilson Evaristo. Daniel Moura vem de Belém do Pará com objetivo de recuperar a imagem do BASA, desgastada no estado após o passamento de Wilson Evaristo, principalmente entre os produtores rurais, com certeza terá muito trabalho pela frente. Wilson Evaristo foi uma figura carismática, com bom trânsito em todas as camadas, políticas, econômicas e sociais, acordava de madrugada para conceder entrevista à emissoras de rádio e televisão, divulgando de maneira positiva, as atividades da instituição na área do agronegócio. Se desdobrava no atendimento aos pequenos, médios e grandes clientes do Banco da Amazônia, de norte a sul do estado de Rondônia.

Vida que segue! 

 Fim de ano é sempre assim, promessas e esperanças de um futuro promissor aos desempregados e deserdados da sorte, queda na inflação e geração de empregos, com mais saúde, bem como o sonho de se tornar milionário apostando alguns centavinhos na Mega Sena da Virada. Também, se repete as cenas comuns nos aeroportos lotados, rodoviárias entupidas de passageiros, gente dormindo sobre os bancos desconfortáveis, e, outros ao relento pela ausência de um teto para se abrigar. A vida seguirá no ano que se aproxima, com uma única certeza, só o agronegócio velho de guerra continuará tocando na mesma toada empurrando o Brasil para frente.

Bom para Rondônia!     

Para os rondonienses, exceto os contratempos criados pela pandemia, as incertezas provocadas pelos solavancos políticos e econômicos, o ano de 2021 chega ao seu final de maneira equilibrada. O Governador, Marcos Rocha, com uma equipe enxuta, onde se destacara os secretários de Fazenda Luiz Fernando e da Agricultura, Evandro Padovani e outros de menores brilhos na constelação administrativa colocou o estado nos eixos superando as turbulências, típicas desta era moderna. Sem exagero e sem medo da faltar com a verdade, pode-se afirmar que ao findar 2021, foi um ano bom para Rondônia!

Entregando equipamentos

O governo de Rondônia encerrou o ano entregando 483 equipamentos agrícolas, aos produtores rurais dos 52 municípios no dia 29, em Ji-Paraná. Representando o governador Marcos Rocha, o vice-governador, José Jodan, na presença do secretário de Agricultura Evandro Padovani e outras autoridades, ressaltou a importância do evento para consolidar agricultura familiar neste estado.

Sal da Bolívia!

Ao participar do programa “Campo e Lavoura” na Rede TV! O empresário, Francisco Holanda, afirmou que no mês de janeiro chegará à primeira carga de sal, produzida na Bolívia para atender os empresários rondonienses. Ele informou também que o DNIT, em Março inicia os estudos técnicos e ambientais para asfaltar a BR 421, ligando a região central aos municípios de Nova Mamoré e Guajará-Mirim.

Finalizando

Desejando um Feliz 2022, com paz, saúde, por que o restante a gente faz na estrada, com trabalho e fé vou ficando por aqui, pois, o pau que bate em Geraldo é mesmo que bate em Genésio!

Rondoniadinamica.com

Publicidade
Betfair

ALE-RO

ÓTICA DINIZ
Online Cassino


Desenvolvimento