Conectado por

Mato Grosso

MT tem 10 casos de pacientes diagnosticados com Covid-19 curados até este domingo

Publicado por

em

Mato Grosso tem 10 casos de Covid-19 considerados recuperados, ou seja, pacientes que foram curados da doença, conforme boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) neste domingo (5).

Ainda de acordo com a SES, o estado tem 60 casos de Covid-19 confirmados, mesmo número divulgado nesse sábado (4), além de um óbito.

Os casos confirmados são nas seguintes cidades:

  • Cuiabá (38)
  • Rondonópolis (6)
  • Tangará da Serra (4)
  • Várzea Grande (4)
  • Sinop (3)
  • Lucas do Rio Verde (1)
  • Nova Monte Verde (1)
  • Nova Mutum (1)
  • Chapada dos Guimarães (1)
  • Campo Novo do Parecis (1)
  • Alta Floresta (1)

Em Cuiabá, Várzea Grande, Nova Monte Verde e Rondonópolis a transmissão é considerada comunitária, casos de transmissão do vírus entre a população onde não pode-se determinar a origem do contágio.

Dos pacientes com a doença, 13 encontram-se hospitalizados, sendo que 10 na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e nove se curaram. Outros 47 estão em isolamento em casa. Dos 60 pacientes que testaram positivo para coronavírus, 58% são mulheres e 42% homens. A idade deles varia entre 36 e 55 anos.

Morte por Covid-19

Luiz Nunes, de 54 anos, estava hospitalizado  — Foto: Facebook-Reprodução

Luiz Nunes, de 54 anos, estava hospitalizado — Foto: Facebook-Reprodução

O primeiro paciente diagnosticado com o novo coronavírus em Mato Grosso morreu na manhã de hoje. Luiz Nunes, de 54 anos, que era gerente de um supermercado na cidade, foi internado no dia 29 de março. Fez exame e deu positivo para Covid-19. Ele era hipertenso e diabético e estava internado com síndrome respiratória aguda.

Quando deu entrada no hospital, ele disse que tinha viajado para a região sul do país no dia 19 de março.

Ele permaneceu internado e morreu quatro dias depois, no Hospital São Lucas.

O corpo de Luiz Nunes foi sepultado na manhã de hoje mesmo, no Cemitério Jardim da Paz, em Lucas do Rio Verde, onde morava. Não foi realizado velório, como o recomendado nos casos de morte por coronavírus. Compareceram ao enterro alguns membros da família e funcionários da empresa na qual ele trabalhava.

Esse foi o primeiro caso de coronavírus confirmado no município de 65.534 habitantes, segundo estimativa do IBGE, em 2019.

G1