Conectado por

Rondônia

Mais de 10 mil m³ de madeira ilegal são apreendidos em um mês durante operação Verde Brasil 2

Publicado por

em

Em um mês, cerca de 10 mil m³ de madeira foram apreendidos e mais de R$ 33 milhões em multas foram aplicados durante a Operação Verde Brasil 2, realizada pelo Exército Brasileiro em Rondônia, Acre e sul do Amazonas.

Continua após a publicidade

Segundo informações da 17ª Brigada de Infantaria de Selva, no primeiro mês de operação foram identificadas diversas áreas de desmatamento e corte ilegal de madeira, o que resultou em 10,9 m³ de madeira apreendida, além da aplicação de 141 multas, quem somam mais de R$ 33 milhões.

Também foram apreendidos:

  • 68 embarcações,
  • 6 balsas de garimpo,
  • 18 caminhões,
  • 17 semirreboque,
  • 2 tratores,
  • 1 veículo leve,
  • 1 moto,
  • 155 Kg de castanha do Brasil,
  • 1.150 Kg de pescado,
  • 120 Kg de carne silvestre,
  • 65 animais silvestres mortos,
  • 12,250 Kg de pasta base de cocaína,
  • 418,16 Kg de minério de cassiterita,
  • 7 mil litros de óleo diesel,
  • 17 motosserras,
  • 1 gerador,
  • 7 motores estacionários de garimpo
  • e 18 armas de fogo.
Toras de madeira foram apreendidas durante ação da Operação Verde Brasil 2 — Foto: 17º Brigada de Infantaria de Selva/Divulgação

Toras de madeira foram apreendidas durante ação da Operação Verde Brasil 2 — Foto: 17º Brigada de Infantaria de Selva/Divulgação

Ainda foram realizadas ações de conscientização nos distritos e comunidades próximos às bases de operações, além do desenvolvimento de um aplicativo para denúncias de queimadas urbanas, que está em fase de testes na cidade de Ji-Paraná.

Em Rondônia, as ações foram realizadas nas cidades de Porto Velho, Candeias do Jamari, Guajará-Mirim, Costa Marques, Nova Mamoré, Cujubim e Machadinho D’Oeste, além dos distritos de Nova Califórnia e Extrema.

Toras de madeira são apreendidas durante ação da Operação Verde Brasil 2 — Foto: 17º Brigada de Infantaria de Selva/Divulgação

Toras de madeira são apreendidas durante ação da Operação Verde Brasil 2 — Foto: 17º Brigada de Infantaria de Selva/Divulgação

A operação de Garantia da Lei da Ordem teve início na primeira quinzena de maio. Nas ações, atuam mais de 1014 homens e mulheres, com a integração entre órgãos federais e estaduais como: Força Aérea, Marinha, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal (PF), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Polícia Militar (PM), Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam), entre outros.

G1