Conectado por

Cuiabá-MT

Levantamento aponta que maioria dos agressores de mulheres em Cuiabá são ex-maridos, desempregados e tem entre 35 a 45 anos


Compartilhe:

Publicado por

em

A maioria dos agressores de mulheres vítimas de violência em Cuiabá é ex-marido, desempregado e tem idade entre 35 a 45 anos. É o que aponta um anuário divulgado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá (DEDM), que, em 2018, atendeu 3.054 mulheres vítimas de violência, em Cuiabá.

O levantamento também apontou que os bairros Pedra 90 e CPA 3 lideram a lista de ocorrências. O anuário também mostrou que a maioria das mulheres vítimas de violência em Cuiabá é solteira, desempregada, dona de casa e tem entre 35 a 45 anos.

De acordo com a DEDM, o vínculo do agressor com as vítimas é de ex-companheiro (11,8%), ex-marido (3,4%), vizinho (2,1%), convivente (2%), ex-namorado (1,8%), filho (a) (1,4%), irmão (1,3%) e cunhado (a) (0,7%).

O levantamento indica que 80% dos agressores são do sexo masculino, enquanto 20% são mulheres.

Os agressores são da cor parda (23%), branca (13%), negra (7%) e amarela (0,68%). A faixa etária é de 35 a 45 anos (25%), 30 a 34 anos (15%), 46 a 59 anos (13%) e 15 a 29 anos (11%)

Ainda na análise dos agressores, a delegacia listou as principais profissões dos suspeitos: desempregado, motorista, pedreiro, empresário, vendedor, vigilante, serviços gerais, policial, pintor, mecânico, aposentado, professor e autônomo.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *