Conectado por

Mato Grosso

Justiça inocenta ex-prefeito de Juruena


Compartilhe:

Publicado por

em

Sete anos depois, a Justiça inocentou o ex-prefeito de Juruena Cicílio Rosa Neto e seu então vice Raimundo Manske. Ambos foram denunciados por crime eleitoral ainda nas eleições de 2012, quando foram eleitos. Cicílio teria tentado comprar o voto de Zenilton Dias.

Foi acusado de oferecer uma moto Honda XRE, preta, para obter o apoio de Zenilton. O ex-prefeito também teria omitido gastos de R$ 10 mil, pagos por Raimundo, a João Alex.

O tempo passou, Cicílio perdeu a reeleição e o caso desceu para a primeira instância. Zenilton, por sua vez, alegou que houve uma desavença política e nenhuma testemunha confirmou a denúncia.

Assim, 7 anos depois, eis que, por falta de provas,  o juiz Dante Rodrigo Aranha determinou que o caso seja arquivado.