Conectado por

Saúde

Investigadores acreditam que a Covid-19 pode afetar fertilidade masculina


Compartilhe:

Publicado por

em

Unovo estudo da Universidade de Miami, nos Estados Unidos, afirma que a Covid-19 pode ter um impacto na fertilidade masculina e nas doenças sexualmente transmissíveis.

Para chegar a esta conclusão, os investigadores analisaram autópsias de seis homens que morreram de infeção por Covid-19 e descobriram que o vírus ainda estava nos seus testículos. A acrescentar, também encontraram o SARSCoV-2 nos testículos de um paciente do sexo masculino de 28 anos que recuperou sem apresentar sintomas.

“Também identificamos a presença do vírus num homem que passou por uma biopsia para infertilidade, mas tinha um histórico anterior de Covid-19”, disse a DraRanjith Ramasamy, professora e diretora de urologia reprodutiva da Miller School, citada pelo Post.

“Então, o paciente deu resultado negativo e ficou assintomático depois de ter Covid-19, mas ainda mostrava a presença do vírus dentro dos testículos. A descoberta é nova, notável e certamente digna de mais exploração”, acrescentou.

O estudo questiona quanto do vírus é necessário estar presente nos testículos para ser detectado no sémen e ser transmitido sexualmente.

“Tenho quase certeza de que cerca de 20 a 30% dos homens teriam algum tipo de fertilidade afetada no futuro”, disse Ramasamy.

Noticias ao Minuto