Conectado por

Mato Grosso

Homem de 30 anos agredido por segurança em festa do peão está na UTI, em Juína


Compartilhe:

Publicado por

em

Luciano Mathias Lopes, de 30 anos, que foi agredido com golpes de Tonfa na cabeça por um segurança contratado para a festa da EXPOJUÍNA 2018, está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com diagnostico de traumatismo craniano encefálico.

De acordo com informações, Mathias estava embriagado e causou tumulto durante o show de Gustavo Mioto no parque de exposições que aconteceu neste sábado, dia 11.

A equipe de segurança conversou com o rapaz por diversas vezes que se negava a descer do brete próximo ao palco, onde atrapalhava as demais pessoas a assistirem o show.  O próprio cantor Gustavo Mioto advertiu o rapaz para que descesse e deixasse as demais pessoas assistir a apresentação.

Luciano continuou a atrapalhar as demais pessoas quando outro segurança foi até ele e pediu para que o mesmo colaborasse e não causasse o tumulto, no entanto, o rapaz investiu contra o segurança que reagiu dando lhe três golpes de tonfa na cabeça, que já caiu desmaiado e jorrando sangue pela cabeça.

Resultado de imagem para tonfa

Foto Google: tonfa

O show foi interrompido imediatamente até a chegada do socorro que levou o rapaz para a UPA 24 horas, e depois para a UTI.

O rapaz está sob cuidados médicos, e deverá ser submetidos a exames.

Versão da esposa

A esposa de Luciano relatou a polícia que ele (Luciano) subiu no brete e ficou acenando para o cantor, e que um segurança pediu para que ele descesse que em seguida atendeu ao pedido. Ela reiterou que estava retirando a vítima do local quando o segurança Ezequiel junto com outros dois seguranças um conhecido por “Gordinho” e outro que ela não soube falar o nome se aproximou de Luciano e começaram a agredi-lo, que só cessaram as agressões quando o rapaz estava inconsciente.

Versão do segurança

O Juína News procurou o segurança envolvido na ocorrência. Ele aceitou dar sua versão e relatou que Luciano estava “louco” causando tumulto. A vítima ainda empurrou a porteira contra seu rosto e depois tentou lhe agredir, e foi neste momento que ele reagiu com a tonfa atingindo os golpes no ombro e cabeça. Antes ainda, Luciano agrediu outro segurança e jogou bebida nele. Que reconhece que excedeu devido às provocações da vítima. Lamentou o ocorrido e que irá prestar esclarecimentos sobre os fatos a polícia.

Os responsáveis pela equipe de segurança deverão enviar uma nota para explicar o que aconteceu de fato.

O que diz a polícia

A Polícia Judiciária Civil vai instaurar um inquérito policial para apurar as agressões.